PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Efeito transfer ban: Cruzeiro só tem 10 jogadores para estreia do Mineiro

Victor Martins

Colaboração para o UOL, em Belo Horizonte (MG)

24/01/2022 04h00

Classificação e Jogos

A pré-temporada do Cruzeiro começou há 20 dias, na Toca da Raposa 2. Desde então, alguns jogadores saíram e outros chegaram, totalizando 24 atletas à disposição do técnico Paulo Pezzolano neste momento. Porém, nem todos os atletas que participaram das últimas atividades no CT cruzeirense estão regularizados. Como o clube estrelado está punido pela Fifa e não pode registrar novos contratos, apenas dez jogadores podem ser relacionados para o duelo de quarta-feira (26), contra a URT às 17h, no Independência.

Dono de 90% das ações da Sociedade Anônima do Futebol (SAF) do Cruzeiro, Ronaldo já confirmou presença no Horto para o primeiro jogo do clube sob a sua gestão. Caso queira ver todos os reforços em ação já na rodada de abertura do Estadual, Fenômeno terá de pagar mais de R$ 23 milhões de dívidas que a Raposa tem com o Mazatlán, do México, e com o Defensor, do Uruguai, pelas compras de Riascos e Arrascaeta, respectivamente.

Somente quitando os débitos para o Cruzeiro ficar livre do transfer ban e ter condições de registrar os contratos dos jogadores contratados para a temporada 2022. Como o clube tem somente até a noite de terça-feira para quitar os débitos e regularizar os reforços, a direção cruzeirense não descarta mesclar o elenco profissional com o time sub-20, que chegou às quartas de final da Copinha.

"Dentro do departamento do futebol nós temos a responsabilidade de pensar todos os cenários possíveis. Mas sabemos que temos uma prioridade e o objetivo da instituição é resolver isso da maneira mais rápida possível. A prioridade é a solução do transfer ban", disse Pedro Martins, diretor de futebol do Cruzeiro, em entrevista ao jornal O Tempo.

Por enquanto, os jogadores à disposição do técnico Paulo Pezzolano para a estreia do Mineiro são: Eduardo Brock, Matheus Pereira, Adriano, Lucas Ventura, Rômulo, Marco Antônio, Thiago, Vitor Leque e Bruno José. O atacante Marcelo Moreno também tem condições de jogo, mas como foi convocado pela Bolívia para os jogos das Eliminatórias para a Copa do Mundo, o centroavante é baixa certa nas primeiras rodadas do Mineiro.

Já o meia Giovanni renovou contrato com a Raposa, mas como o novo vínculo ainda não apareceu no Boletim Informativo Diário (BID) da CBF, ele é mais um que precisa ser regularizado até terça à noite, para ter condições de jogo diante da URT.

Futebol