PUBLICIDADE
Topo

Santos

Carille lamenta empate e diz não saber futuro de Marcos Leonardo no Santos

Carille orienta a equipe do Santos no jogo contra o Internacional - Pedro H. Tesch/AGIF
Carille orienta a equipe do Santos no jogo contra o Internacional Imagem: Pedro H. Tesch/AGIF

Bruno Fernandes

Colaboração para o UOL, em Maceió

28/11/2021 22h17

O empate entre Santos e Internacional hoje (28) em 1 a 1 pela 36ª rodada do Brasileirão, no Beira-Rio deixou o técnico Fábio Carille feliz com o resultado, embora tenha admitido durante coletiva à imprensa após a partida que o resultado poderia ter sido melhor.

Na partida de mais cedo, o time gaúcho saiu na frente, mas a equipe santista reagiu e empatou o jogo. O gol do Inter foi marcado nos acréscimos do primeiro tempo, com Luiz Felipe contra. E o empate do Santos veio dos pés de Marcos Leonardo, no início da etapa final.

"Se tivesse que ter um vencedor teria que ser o Santos. Criamos muito mais no segundo tempo. Lembro da oportunidade do Madson, do Angelo, que podia ter dado uma chapada se tivesse mais calma, teve uma do Marcos Leonardo. Estou muito feliz com o empate, mas poderia ser melhor".

Com o resultado o Santos chegou aos 46 e a equipe de Fábio Carille precisa agora de 100% de aproveitamento, além de combinação de resultados paralelos para garantir uma vaga na fase preliminar da Libertadores.

Renovação de Marcos Leonardo

Assim como o jogador em entrevista ainda à beira do gramado, Carille desconversou e afirmou não saber o futuro da promessa santista na equipe. O garoto de 18 anos marcou o gol que igualou o marcador e afastou, mesmo que por um ponto, o remoto risco de rebaixamento para a Série B.

"Sobre contrato não sei. A diretoria pode responder. Nos treinos vem treinando bem. Foi convocado três vezes desde que cheguei e por isso tivemos mais cuidado para colocar quem estava no dia a dia", afirmou.

Marcos tem 39 jogos disputados na atual temporada, mas poucos minutos no Campeonato Brasileiro: apenas 548, já que costuma entrar apenas no segundo tempo, diferente da partida de hoje, na qual foi titular e só foi substituído nos minutos finais por Raniel.

Santos