PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Ex-jogador da seleção peruana Zúñiga é preso com governador por corrupção

O atleta estaria imerso em crimes contra a administração pública na forma de conluio, peculato, suborno ativo, suborno passivo e outros - Reprodução/La República
O atleta estaria imerso em crimes contra a administração pública na forma de conluio, peculato, suborno ativo, suborno passivo e outros Imagem: Reprodução/La República

Colaboração para o UOL

23/10/2021 12h09

A polícia e o Ministério Público do Peru prenderam, na madrugada deste sábado (23), o ex-jogador da seleção peruana e do FBC Melgar, Ysrael 'Cachete' Zúñiga. Além dele, também foi preso o governador de Arequipa, Elmer Cáceres Llica. Ambos são suspeitos de integrar uma organização criminosa denominada "Os filhos do condor".

Segundo informações do jornal La República, foi expedido um mandado de prisão preventiva por um prazo de 10 dias. Zúñiga, que atualmente é vereador regional de Arequipa, estaria envolvido em crimes contra a administração pública na forma de conluio, peculato, suborno ativo, suborno passivo, entre outros.

O governador teria selecionado alguns vereadores regionais, incluindo o ex-jogador, oferecendo-lhes a entrega e administração de obras, benefícios econômicos e trabalhistas, bem como lotes e terrenos para que não fossem fiscalizados.

Ysrael Zúñiga, 45, é considerado um ídolo do FBC Melgar. Durante as nove temporadas em que defendeu a camisa vermelha e preta, marcou 116 gols e conquistou o campeonato nacional em 2015, sendo o capitão da equipe que ergueu o troféu ao vencer o Sporting Cristal, em Arequipa. Ele se aposentou do futebol, em 2018, com 42 anos.

Futebol