PUBLICIDADE
Topo

'Sensação inexplicável', diz Andreas Pereira em chegada ao Flamengo

Andreas Pereira é recebido por Marcos Bráz e Bruno Spindel, do Flamengo - Reprodução/Fla TV
Andreas Pereira é recebido por Marcos Bráz e Bruno Spindel, do Flamengo Imagem: Reprodução/Fla TV

Do UOL, em São Paulo

20/08/2021 21h24

Anunciado como novo reforço do Flamengo, Andreas Pereira chegou ao Brasil na noite de hoje. O meia que pertence ao Manchester United foi contratado por empréstimo de uma temporada.

No desembarque no Aeroporto do Galeão, no Rio de Janeiro, o jogador falou sobre sentimento de vestir a camisa do Fla. Veja no vídeo abaixo.

"É uma sensação incrível. Estou muito feliz, ansioso também. Quero trabalhar, chegar aqui para conquistar títulos, ajudar a equipe e fazer o meu melhor", disse em entrevista à TV Fla.

"É uma sensação inexplicável. Desde o primeiro contato que eu tive, foi uma coisa que sempre esteve no meu coração. Falei com a minha família sobre isso. Fiquei muito feliz", acrescentou.

Além disso, Andreas destacou que está pronto para ajudar o Rubro-Negro em campo o quanto antes.

"Eu fiz a pré-temporada inteira com o Manchester. Estou preparado para jogar. Muito ansioso e preparado para começar o trabalho", afirmou.

O Rubro-Negro desembolsou 1 milhão de euros, aproximadamente R$ 6,3 milhões para assinar com o jogador. Para adquirir os direitos definitivamente, o clube terá de pagar 15 milhões de euros, algo em torno de R$ 93 milhões na cotação atual.

Esta será a primeira experiência de Andreas no futebol brasileiro. Ele deu os primeiros passos no Lommel United, da Bélgica, e teve passagem também pelo PSV, da Holanda, antes de desembarcar no United, clube pelo qual se profissionalizou. De 2016 para cá, o meia atuou ainda no Granada e Valencia, da Espanha, e Lazio, da Itália.

Pereira defendeu a seleção belga nas categorias de base, mas, em 2015, pouco antes do Mundial Sub-20, enviou à Fifa um pedido para atuar com a amarelinha — ele, inclusive, fez gol na final da competição. Em 2018, convocado por Tite para dois amistosos, se tornou o quarto jogador não nascido no Brasil a ser convocado para a seleção.