PUBLICIDADE
Topo

Atlético-MG

Nacho, Réver e Savarino treinam e devem ser opção no Galo que encara o Boca

Nacho completou 20 partidas pelo Atlético-MG no duelo contra o Boca em La Bombonera - Pedro Souza/Atlético
Nacho completou 20 partidas pelo Atlético-MG no duelo contra o Boca em La Bombonera Imagem: Pedro Souza/Atlético

Henrique André

Do UOL, em Belo Horizonte

18/07/2021 13h06

Classificação e Jogos

A chave no Atlético-MG está totalmente virada para a grande decisão que a equipe comandada pelo técnico Cuca terá na próxima terça-feira (20), quando encara o Boca Juniors-ARG no duelo de volta das oitavas de final da Libertadores. Após o empate sem gol na Bombonera, as duas equipes decidirão a vaga para as quartas no Mineirão, em Belo Horizonte.

Vindo de vitória sobre o Corinthians, por 2 a 1, de virada, a equipe mineira retornou a capital mineira na madrugada de hoje (18) e dormiu na Cidade do Galo, onde, já pela manhã, realizou a primeira atividadade antes do confronto mais importante do ano contra os Xeneizes.

As grandes novidades foram o zagueiro Réver, que se recupera de pancada no cotovelo, o meia argentino Nacho Fernández, poupado contra o Timão, e o atacante Savarino, que também treinou normalmente. Por outro lado, Keno e Marrony, que ainda se recuperam de lesões no departamento médico, seguem na fisioterapia e ainda não estão à disposição do comandante.

O volante Jair, que deixou a Neo Quimica Arena, com luxação no ombro, é dúvida para a partida e, amanhã (19), fará exame de imagem. O atacante chileno Eduardo Vargas, diagnosticado com a covid-19, já iniciou o isolamento e não participa do jogo do torneio de clubes mais importante da América do Sul.

Jogo do ano

A bola rola a partir das 19h15 (de Brasília). Em caso de novo empate sem gol no Gigante da Pampulha, a vaga será decidida nas cobranças de pênatis; qualquer outro empate (com gol), dá a classificação aos argentinos, hexa campeões. Para avançar, o caminho mais seguro para o Alvinegro é uma vitória em casa.

Atlético-MG