PUBLICIDADE
Topo

Seleção Brasileira

Tite repete escalação sem Everton Ribeiro em treino no Beira-Rio; veja

Tite fez várias mudanças em relação aos últimos jogos e terá Lucas Paquetá no meio-campo - Lucas Figueiredo/CBF
Tite fez várias mudanças em relação aos últimos jogos e terá Lucas Paquetá no meio-campo Imagem: Lucas Figueiredo/CBF

Gabriel Carneiro

Do UOL, em São Paulo

03/06/2021 18h23

Classificação e Jogos

O meia Everton Ribeiro está melhor das dores na coxa direita, mas não será titular da seleção brasileira no jogo de amanhã (4), às 21h30, contra o Equador, pela sétima rodada das Eliminatórias da Copa do Mundo do Qatar. Ele fez somente um trabalho físico à parte com o preparador Charles Costa no treino de reconhecimento do gramado do estádio Beira-Rio, no fim da tarde de hoje.

Sem o flamenguista, Tite repetiu a escalação de ontem e levará a campo os seguintes jogadores: Alisson; Danilo, Éder Militão, Marquinhos e Alex Sandro; Casemiro, Fred e Lucas Paquetá; Neymar, Richarlison e Gabigol.

São oito mudanças em relação ao time que vinha atuando nas Eliminatórias há sete meses. Por lesão, Thiago Silva dá espaço a Militão e Everton Ribeiro a Paquetá. E por opção, Alisson entra na vaga de Ederson, Alex Sandro substitui Renan Lodi e Gabigol ganha a vaga de Roberto Firmino. Por fim, Casemiro e Neymar voltam de lesão e desbancam Arthur e Gabriel Jesus, e Fred ocupa a posição do suspenso Douglas Luiz.

Os reservas treinaram assim no Beira-Rio: Weverton; Emerson, Rodrigo Caio, Felipe e Renan Lodi; Fabinho, Douglas Luiz e Firmino, Everton Cebolinha, Vini Jr e Gabriel Jesus. Dos 25 convocados, além dos 11 titulares e Everton Ribeiro, Thiago Silva ainda trata de lesão e Ederson treinou à parte com o preparador de goleiros Taffarel.

Os jogadores da seleção começaram a se apresentar à Granja Comary na semana passada, mas Tite não teve o grupo inteiro à disposição em nenhum dos sete dias de treinamento. O elenco já está concentrado em Porto Alegre e enfrenta o Equador amanhã. Depois, treina alguns dias no CT do Internacional antes de viajar para o Paraguai, onde enfrenta os donos da casa na terça-feira.

A seleção lidera as Eliminatórias com quatro vitórias em quatro partidas.

Seleção Brasileira