PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Luiz Adriano diz ter ido ao mercado depois de testar positivo para covid-19

O jogador Luiz Adriano, da SE Palmeiras, durante treinamento, na Academia de Futebol.  - Cesar Greco
O jogador Luiz Adriano, da SE Palmeiras, durante treinamento, na Academia de Futebol. Imagem: Cesar Greco

Colaboração para o UOL, em São Paulo

06/04/2021 20h40Atualizada em 06/04/2021 21h04

Diagnosticado com covid-19, Luiz Adriano não viajou para a Argentina e desfalcará o Palmeiras na primeira final da Recopa, diante do Defensa y Justicia amanhã (7). Por meio de um pronunciamento nas redes sociais, o atacante confirmou que testou positivo e, ainda assim, descumpriu as recomendações do Departamento Médico do clube para que ficasse sob quarentena. Ele saiu de casa ontem (5) para levar sua mãe a um supermercado instalado em um shopping center na Zona Oeste de São Paulo. Na saída, acabou se envolvendo num acidente em que atropelou um ciclista.

De acordo com o texto publicado no Instagram, o centroavante afirmou que o elenco palmeirense foi examinado no dia 1º de abril, numa bateria de testes periódicos conduzidos pelo clube. Seu resultado deu positivo, ainda que ele não apresentasse nenhum sintoma. É a segunda vez que ele contrai o novo coronavírus. Dessa forma, foi orientado pelos médicos a cumprir o período de isolamento, como determinado pela Organização Mundial de Saúde (OMS).

"Sim, não deveria ter saído de casa, errei, reconheço", disse o jogador.

Ontem (5), o atacante se envolveu em um acidente na saída de um shopping no bairro da Pompeia, ao lado do clube social do Palmeiras, e atropelou um pedestre ao deixar o local. Ele afirma, em sua nota, não ter deixado seu automóvel para acompanhar a mãe no mercado e que estava usando máscara. Quando prestou socorro ao ciclista, teria ficado "afastado a todo momento".

"Fui orientado a ficar em casa de quarentena sob o acompanhamento do DM, porém fui ao supermercado do shopping levar minha mãe, que não sabe dirigir, sem sair de dentro do meu carro e de máscara. Acabei me envolvendo em um acidente em que uma bicicleta bateu no carro na saída do estacionamento. Permaneci de máscara e afastado a todo momento, porém não poderia deixar de prestar socorro a pessoa que sofreu o acidente", afirmou.

Com a confirmação do teste, Luiz Adriano será mais um caso de reinfecção da doença no Brasil. Ele havia contraído o novo coronavírus no fim do ano passado, quando o time sofreu um surto do novo coronavírus.

Fora da primeira decisão da temporada

Depois de um período de descanso e treino devido à paralisação do futebol paulista, o Palmeiras se prepara para disputar seu primeiro troféu nesta temporada, contra o Defensa y Justicia, da Argentina. O confronto pela Recopa Sul-Americana, de todo modo, também conta com um jogo de volta, na semana que vem, em Brasília. Entre um jogo e outro, mais uma final: a Supercopa do Brasil, no próximo domingo (11), contra o Flamengo, também na capital federal.

O técnico Abel Ferreira agora tem o receio de que possa ficar sem seu centroavante mais renomado, de grande valor tático, na disputa por ambas as taças. O desfalque viria justamente no setor para o qual o português pediu mais reforços neste ano. Sua ideia é que o Verdão possa contar com três centroavantes de ofício no elenco, de características diferentes.

Até o momento, o Palmeiras anunciou somente o volante Danilo Barbosa como reforço.

Futebol