PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Caso Emiliano Sala: Dois anos após acidente família ainda espera respostas

Emiliano Sala, durante uma partida pelo Nantes - SEBASTIEN SALOM GOMIS / AFP
Emiliano Sala, durante uma partida pelo Nantes Imagem: SEBASTIEN SALOM GOMIS / AFP

Do UOL, em São Paulo*

21/01/2021 08h54

Hoje (21) faz dois anos do acidente de avião que causou a morte do jogador Emiliano Sala e a família ainda espera por respostas sobre a causa exata da tragédia. O advogado da família deu entrevista à uma emissora sobre o caso.

"É uma tragédia que se passaram dois anos desde a morte de Emiliano e ainda não sabemos exatamente como e por que ele morreu. Uma investigação é a única maneira de estabelecer toda a verdade", disse o advogado da família à emissora britânica SkySports.

"Estou muito esperançoso de que o legista de Dorset agora estabeleça uma data para a investigação começar imediatamente após o julgamento de David Henderson [piloto], para que a família de Emiliano não tenha que suportar outro triste aniversário sem respostas."

O avião particular em que voavam o argentino de 28 anos e o piloto David Ibbotson caiu no Canal da Mancha em 21 de janeiro de 2019.

O atacante do clube francês Nantes se dirigia para o Cardiff City, onde acabava de ser transferido por 17 milhões de euros (cerca de 20 milhões de dólares).

O corpo do jogador, cujo desaparecimento chocou o mundo do futebol, foi encontrado no interior da aeronave duas semanas após o acidente, a uma profundidade de 67 metros. O corpo do piloto de 59 anos nunca foi encontrado.

Em seu relatório final publicado em março, a Agência Britânica de Investigação de Acidentes Aéreos (AAIB, pela siglas em inglês) constatou que o piloto perdeu o controle da aeronave durante uma manobra realizada em velocidade muito alta, "provavelmente" destinada a evitar o mau tempo para poder ter visibilidade.

*Com informações da EFE

Esporte