PUBLICIDADE
Topo

Flamengo

Diego Alves segue longe do grupo e tem dias decisivos por volta no Flamengo

Goleiro Diego Alves durante treino do Flamengo  - Alexandre Vidal/Flamengo
Goleiro Diego Alves durante treino do Flamengo Imagem: Alexandre Vidal/Flamengo

Leo Burlá

Do UOL, no Rio de Janeiro

16/01/2021 04h00

Classificação e Jogos

Fora de combate desde o fim do ano passado, o goleiro Diego Alves vive a expectativa de retornar ao time do Flamengo diante do Goiás, segunda-feira (18), às 20h, na Serrinha, pela 30ª rodada do Brasileirão.

O roteiro estava todo traçado para o retorno na capital goiana, mas o camisa 1 ainda não voltou a trabalhar com o restante do grupo. O Rubro-Negro ainda treina hoje (16) e amanhã (17) e as atividades serão decisivas para carimbar o retorno contra o Esmeraldino.

Nos dois últimos treinos, Diego já trabalhou sob a supervisão do preparador de goleiros Wagner Miranda, um passo importante antes de ser "devolvido" a Rogério Ceni. A ideia era que ele já se juntasse aos companheiros ontem, mas não houve a evolução desejada e isso não aconteceu.

Dentro ou fora das quatro linhas, fato é que Diego Alves será relacionado para a partida. Caso não seja possível reassumir a vaga em Goiânia, ele é aguardado para o duelo contra o Palmeiras, quinta-feira (21), 19h, no Mané Garrincha.

O treinador rubro-negro cruza os dedos pelo titular, já que considera o jogador um de seus principais jogadores entre todo o grupo. Hugo Souza e César, no entanto, estão de sobreaviso.

A lesão de Alves é parecida com a que tirou o volante Willian Arão de combate por um tempo. Entre o diagnóstico e a escalação para um jogo, o volante precisou de 15 dias de recuperação. Diego, no entanto, necessitou de um intervalo maior.

A sete pontos do líder São Paulo, o Rubro-Negro precisa da vitória para seguir na briga pelo Brasileiro. O Fla não tem outros problemas de ordem médica e irá com sua força máxima para pegar o Tricolor.

Flamengo