PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Grêmio vence Guaraní de novo e confirma duelo com Santos na Libertadores

Silvio Avila - Pool/Getty Images
Imagem: Silvio Avila - Pool/Getty Images

Jeremias Wernek

Do UOL, em Porto Alegre

03/12/2020 23h37

Classificação e Jogos

O Grêmio venceu o Guaraní, do Paraguai, mais uma vez e confirmou classificação às quartas de final da Copa Libertadores. Hoje, em Porto Alegre, Renato Gaúcho até preservou titulares e ainda assim viu o time decidir o duelo bem no início da partida de volta. Com o placar de 2 a 0, o clube gaúcho assegurou confronto com o Santos na próxima fase.

Ferreira, que entrou no time por lesão de Luiz Fernando no aquecimento, marcou logo aos dois minutos da etapa inicial. No último lance da partida, Diego Souza serviu Rodrigues para fechar o placar.

Pouco antes do 2 a 0, Miguel Benítez acertou Diego Souza fora do lance (soco no rosto) e recebeu cartão vermelho direto. Nos acréscimos, Rodrigo Fernández foi expulso também. Mas o VAR chamou o árbitro e a decisão foi revisada, tornando o cartão apenas amarelo.

Na partida de ida, em Assunção, o Grêmio havia feito 2 a 0. Ou seja, podia até perder por placar mínimo que ficaria com a vaga. Não esteve nem perto de perder. A vontade do começo do jogo na Arena do Grêmio até diminuiu ao longo da partida, mas o clube gaúcho foi superior.

O duelo com o Santos, que eliminou a LDU-EQU, começa na próxima semana. A Conmebol ainda vai confirmar dias e horários das partidas válidas pelas quartas de final da Libertadores.

O Grêmio volta a campo diante do Vasco, domingo, pelo Campeonato Brasileiro. O jogo válido pela 24a rodada começa às 16h (horário de Brasília).

Churín capitão e poucos titulares

Diego Churin tenta se livrar da marcação durante Grêmio x Guaraní (PAR) em jogo da Libertadores - Silvio Avila - Pool/Getty Images - Silvio Avila - Pool/Getty Images
Imagem: Silvio Avila - Pool/Getty Images

A grande novidade na escalação do Grêmio foi o número de titulares: três — Vanderlei, Jean Pyerre e Pepê. Além de preservar titulares, Renato Gaúcho ainda surpreendeu na escolha do capitão. Diego Churín, ex-Cerro Porteño, herdou a faixa justamente por reencontrar um rival dos tempos de carreira em Assunção, no Paraguai.

Confusão com uniformes atrasa o jogo

Grêmio e Guaraní postados para o início do jogo válido pela Copa Libertadores, pouco antes de o time paraguaio ter que ir aos vestiários trocar de camisa - Silvio Avila - Pool/Getty Images - Silvio Avila - Pool/Getty Images
Imagem: Silvio Avila - Pool/Getty Images

O jogo atrasou por quase 10 minutos em virtude de uma confusão com os uniformes. O Guaraní e a arbitragem precisaram voltar aos vestiários para trocar de roupa. O clube paraguaio havia mostrado prévia de fardamento verde, mas em campo as camisas eram azuis e se confundiam com a roupa do Grêmio. No fim, o time paraguaio usou amarelo e o árbitro vestiu bordô. O Grêmio seguiu como entrou em campo.

Grêmio engole Guaraní no começo

Ferreira comemora gol marcado pelo Grêmio sobre o Guaraní (PAR) na Copa Libertadores - Silvio Avila - Pool/Getty Images - Silvio Avila - Pool/Getty Images
Imagem: Silvio Avila - Pool/Getty Images

O Grêmio deixou a vantagem construída no jogo de ida no vestiário. Com dois minutos, abriu o placar com Ferreira e seguiu em cima até metade da etapa inicial. A fome enorme ajudou o Guaraní a ser engolido pelos lados.

Jean Pyerre desolado

O meia-atacante, um dos destaques do time nas últimas semanas, fazia outra grande atuação. Fazia. Aos 44 minutos do primeiro tempo, desabou no gramado com sinais de ter sentido dores musculares. Logo depois, saiu para entrada de Isaque e gerou desespero dos gremistas nas redes sociais.

Vanderlei aparece no fim

O controle caiu um pouco e o Grêmio viu o Guaraní crescer perto do intervalo. Foi quando Vanderlei surgiu e fez grande defesa em cobrança de escanteio.

Falta e cartão com 10 segundos em campo

Villalba entrou no intervalo do jogo e no primeiro lance, deu entrada dura em Pepê. Resultado? Cartão amarelo de cara. A advertência havia motivado troca no Guaraní.

FICHA TÉCNICA
GRÊMIO 2 X 0 GUARANÍ-PAR

Data e hora: 03/11/2020 (quinta-feira), às 21h30min (de Brasília)
Local: Arena do Grêmio, em Porto Alegre (RS)
Árbitro: Wilmar Roldan (COL)
Auxiliares: Dionisio Ruiz (COL) e Miguel Roldan (COL)
VAR: John Leon (COL)
Cartões amarelos: Báez, Villalba (GUA)
Cartão vermelho: Miguel Benítez (GUA)
Gols: Ferreira, aos 3 minutos do primeiro tempo (GRE); Rodrigues, aos 51 minutos do segundo tempo (GRE)

GRÊMIO: Vanderlei; Orejuela, David Braz, Rodrigues e Bruno Cortez; Darlan (Maicon), Lucas Silva, Ferreira (Pinares), Jean Pyerre (Isaque) e Pepê (Guilherme Azevedo); Diego Churín (Diego Souza)
Técnico: Renato Gaúcho

GUARANÍ-PAR: Servio; Romaña, Benítez, Báez e Miguel Benítez; Ángel Benítez, Rodrigo Fernández, José Florentín (Fernando Fernández); Nicolás Tripichio (Alexis Villalba), Cecílio Domínguez e Bobadilla (Benítez)
Técnico: Gustavo Costas

Futebol