PUBLICIDADE
Topo

Flamengo

Organizadas do Fla se reúnem com diretoria e cobram conversa com elenco

Integrantes de organizadas do Flamengo conversam com Braz e Spindel, em reunião na Gávea - Reprodução Twitter André Luis Valladas
Integrantes de organizadas do Flamengo conversam com Braz e Spindel, em reunião na Gávea Imagem: Reprodução Twitter André Luis Valladas

Do UOL, no Rio de Janeiro (RJ)

20/11/2020 12h15Atualizada em 20/11/2020 16h07

Membros de torcidas organizadas do Flamengo estiveram na Gávea, na manhã de hoje (20), para uma conversa com Marcos Braz, vice-presidente de Futebol, e Bruno Spindel, diretor executivo da pasta. Em pauta, o atual momento do time rubro-negro.

Uma imagem do encontro foi divulgada em redes sociais e mostra os dirigentes reunidos com os torcedores em uma das dependências da sede. Durante o encontro, segundo nota assinada por seis organizadas, houve um pedido por "conversa presencial com o elenco profissional".

De acordo com publicação de Andre Luis Valladas, um dos líderes de torcida presentes ao encontro, em dado momento do encontro foi lembrado o fato de a delegação rubro-negra ter usado uma saída alternativa no aeroporto do Galeão, na madrugada de quarta para quinta-feira, após a derrota para o São Paulo, que culminou no adeus precoce na Copa do Brasil.

A equipe do Flamengo atravessa uma crise, com recente troca no comando técnico — Domènec Torrent foi demitido e Rogério Ceni contratado — e eliminação na competição nacional. Nas últimas seis partidas, o time conquistou apenas uma vitória, sobre o Athletico-PR, pela Copa do Brasil.

Ceni, que foi apresentado no último dia 10, ainda não conseguiu triunfar no comando do Fla. Em três partidas, foram duas derrotas e um empate. A equipe da Gávea foi derrotada duas vezes para o São Paulo, nas quartas de final da Copa do Brasil, e empatou com o Atlético-GO, pelo Campeonato Brasileiro.

Veja nota na íntegra:

"Hoje, 20 de novembro, sexta-feira, as diretorias das torcidas organizadas signatárias reuniram-se com Marcos Braz, vice-presidente de Futebol, e Bruno Spindel, diretor executivo. Durante a reunião, foram questionados, principalmente, os pontos que seguem:

1) A extrema necessidade de uma conversa presencial com o elenco profissional, a fim de que possamos, em nome de todos os rubro-negros, transmitir a insatisfação com os resultados apresentados.

2) A obrigação de, independentemente do resultado final, que os atletas manifestem uma postura compatível com aquilo que se espera de um funcionário do Clube de Regatas do Flamengo.

3) O peso da desclassificação na Copa do Brasil, tornando, assim, maior a responsabilidade da equipe nas competições remanescentes.
Ademais, as torcidas organizadas do. Clube de Regatas do Flamengo, de maneira racional e, sobretudo, com determinação, ratificam a cobrança infindável por resultados e disposição em campo.

Assim, reafirmamos nosso compromisso com nossos ideais e nossa posição enquanto verdadeiros e legítimos guardiões do legado rubro-negro. Se o bem-estar do clube é ameaça, a omissão não é uma de nossas opções.

G.R.C Torcida Jovem do Flamengo
G.R.M.C Raça Rubro-Negra
Torcida Fla-Manguaça
Torcida Urubuzada
Torcida Império Rubro-Negro
Nação 12"

Flamengo