PUBLICIDADE
Topo

Futebol

OPINIÃO

Texto em que o autor apresenta e defende suas ideias e opiniões, a partir da interpretação de fatos e dados.

Menon: "As pessoas analisam o custo, mas o Daniel Alves está jogando muito"

Do UOL, em São Paulo

19/11/2020 04h00

Jogador que é o líder do São Paulo dentro de campo e raramente deixa de ir a campo, Daniel Alves foi alvo de críticas em alguns momentos da temporada, mas teve uma atuação decisiva na vitória por 3 a 0 sobre o Flamengo, que garantiu a classificação para as semifinais da Copa do Brasil, tanto na marcação que fez em Gerson quanto na participação ofensiva.

No Fim de Papo, live pós-rodada do UOL Esporte — com os jornalistas José Trajano, Renato Maurício Prado, e Vinicius Mesquita —, Menon afirma que o camisa 10 do São Paulo muitas vezes é analisado mais pelo alto custo financeiro ao clube, mas teve participação fundamental na classificação do time diante do Flamengo.

"Eu queria lembrar aqui a importância fundamental do Daniel Alves para o time do São Paulo, é que as pessoas analisam o Daniel pelo custo-benefício, ele ganha um dinheirão e talvez não jogue o que ele ganha, mas o que ele está jogando é muita bola", diz Menon.

"Ele deu o passe para o primeiro gol, no segundo gol ele jogou a bola para o Reinaldo e o Reinaldo deu o passe e no terceiro ele pressionou o Arão e fez o Arão errar, pressionou talvez com falta, mas fez o Arão errar a bola atrasada, então eu acho que o São Paulo está muito bem, é esse o time, há tempos que ele definiu esse time", completa.

Menon lembra que criticou o técnico Fernando Diniz em vários momentos, mas agora precisa admitir a boa estratégia do treinador na vitória sobre o Flamengo, além de citar a maré de sorte do São Paulo nas cobranças de pênalti contra a sua meta.

"Eu critiquei muito o Fernando Diniz, acho que eu pisei um pouco na bola. E outra coisa assim, é o sexto pênalti que o São Paulo sofre no ano, sofreu seis pênaltis no ano, três o Volpi pegou e três foram para fora, está abençoado por esse lado aí", conclui.

O Fim de Papo volta a ser apresentado na próxima terça-feira, após o primeiro jogo das oitavas de final da Libertadores, entre Racing e Flamengo, em noite que também terá o Santos enfrentando a LDU, em Quito, e o Athletico-PR contra o River Plate, em Curitiba.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL

Futebol