PUBLICIDADE
Topo

Cruzeiro

Felipão quer pelo menos "quatro pilares" de sua confiança no Cruzeiro

Rafael Sobis e Felipão têm relações antigas, já que ambos são agenciados pelo mesmo empresário - Igor Sales/Cruzeiro
Rafael Sobis e Felipão têm relações antigas, já que ambos são agenciados pelo mesmo empresário Imagem: Igor Sales/Cruzeiro

Guilherme Piu

Do UOL, em Belo Horizonte

17/11/2020 04h00

Classificação e Jogos

O Cruzeiro abriu ontem (16) a última semana de preparativos para o jogo com o Figueirense, pela 22ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. Sem atuar há mais de uma semana, a Raposa terá mais tempo de trabalho antes do próximo compromisso em campo, marcado para esta sexta-feira (20), às 19h, no Mineirão.

Para este jogo, o técnico Luiz Felipe Scolari não terá à disposição um dos reforços que chegou recentemente: o atacante Willian Pottker, que recebeu cartão vermelho no empate em 3 a 3 contra o Guarani e será desfalque.

Pottker, inclusive, chegou ao Cruzeiro como pilar da confiança do treinador. Além do ex-jogador do Internacional, Felipão também vê o atacante Rafael Sobis como este mesmo status. Ambos chegaram à Toca da Raposa II após promessa da diretoria ao treinador para reforçar o grupo.

"É um cara que eu conheço há muito tempo, a gente tem meio que um carinho de pai pra filho, então é um momento espetacular da minha carreira poder estar trabalhando com ele. Espero dar o melhor de mim para que a gente leve o Cruzeiro o mais longe possível", disse Sobis.

Mais reforços

Ainda devem ser preenchidas pelo menos mais duas vagas de jogadores com a chancela de Scolari. O polivalente Jonathan Copete, atacante que também atua pela lateral e meia-ofensiva, deve ter sua vida definida no Santos hoje (17). O Conselho Deliberativo santista marcou reunião para discutir a liberação por empréstimo do colombiano para a Raposa.

O Peixe está punido com o transfer ban da Fifa e não pode registrar novos contratos sem pagar as dívidas que possui com o Atlético Nacional (COL) e o Huachipato (CHI). Por isso, existe a chance de Copete ser liberado, com o Cruzeiro pagando parte do salário do jogador, que está na casa dos R$ 280 mil.

Scolari ainda deve receber o quarto jogador, que deve ser um volante de marcação. Alguns nomes estavam em pauta, como Júnior Urso, do Orlando City-EUA, e Wellington, cujo contrato está chegando ao fim no Athletico-PR.

Cruzeiro