PUBLICIDADE
Topo

Palmeiras

Palmeiras faz 5 a 0 no Tigre, quebra série ruim e passa com melhor campanha

Gustavo Gómez celebra gol do Palmeiras contra o Tigre, pela Libertadores - Mauro Horita/Conmebol
Gustavo Gómez celebra gol do Palmeiras contra o Tigre, pela Libertadores Imagem: Mauro Horita/Conmebol

Thiago Ferri

Do UOL, em São Paulo

21/10/2020 23h18

Classificação e Jogos

Depois de quatro derrotas consecutivas no Brasileirão, o Palmeiras se recuperou e goleou o Tigre, da Argentina, por 5 a 0 no Allianz Parque, na última partida da fase de grupos da Copa Libertadores. Raphael Veiga, Gustavo Gómez, Zé Rafael, Gabriel Veron e Rony balançaram as redes na vitória de hoje (21), que garantiu ao Verdão a classificação às oitavas de final com a melhor campanha do torneio.

O Palmeiras somou 16 pontos em seis jogos, com cinco vitórias e um empate. O aproveitamento é o mesmo do Santos, mas o time agora sob o comando interino de Andrey Lopes leva vantagem pelo saldo de gols: 15 a favor, contra 5 a favor do Peixe. Com isso, a equipe decide em casa as partidas de mata-mata que tiver até a semifinal. O Tigre, que veio ao Brasil bastante desfalcado, termina a competição com apenas um ponto, na lanterna do Grupo B.

O resultado dá um pouco mais de tranquilidade ao Verdão, que ontem (20) encerrou negociações com Miguel Ángel Ramírez, espanhol que treina o Independiente Del Valle. O clube ainda busca um substituto para Vanderlei Luxemburgo e trabalha especialmente com dois nomes: Quique Setién, ex-Barcelona, e o argentino Gabriel Heinze.

Wesley se destaca de novo

Uma das grandes discussões da temporada palmeirense é por que Wesley não é mantido como titular, mesmo jogando bem. Depois de perder a vaga contra o Fortaleza, o camisa 21 voltou à equipe e teve participação decisiva no primeiro gol, de Raphael Veiga, e com a assistência para Zé Rafael, no terceiro. Ele se isolou ainda mais como o maior garçom do Verdão na temporada, com sete passes para os companheiros marcarem.

Problemas antigos

Mesmo contra a pior equipe da chave, desfalcada por lesões e jogadores com Covid-19, o Palmeiras começou a partida com muita dificuldade. Diante da marcação adiantada dos argentinos, o Verdão sofreu na saída de bola e cometeu erros que por pouco não criaram perigo. O time do interino Andrey Lopes só conseguiu incomodar o Tigre usando bolas longas. Foi assim que se iniciou a jogada do primeiro gol.

Quarto goleiro do Tigre pega pênalti

Os argentinos viajaram para o Brasil sem três goleiros de seu elenco: o titular Marinelli e o reserva Wolff se recuperam após pegar coronavírus, enquanto Navarro se machucou. Os arqueiros para o jogo foram os garotos Zenobio, de 20 anos de idade, e Gerth, de 16. Zenobio até se complicou em uma defesa simples no primeiro tempo, mas teve seu auge na etapa final, ao defender o pênalti batido por Luiz Adriano. O azar é que no escanteio logo em seguida Gustavo Gómez fez 2 a 0, de cabeça.

Veron e Rony completam a festa

Depois da dificuldade da etapa inicial, o Palmeiras controlou o jogo no segundo tempo e mostrou-se muito efetivo, com quatro gols em seis finalizações certas. Gabriel Veron, que chegou a conviver com críticas recentemente e até se afastou das redes sociais, apenas concluiu a jogada de Rony com o gol aberto para fazer 4 a 0. O criticado camisa 11, pouco depois, fechou o placar: 5 a 0 e clima mais leve no Allianz Parque.

FICHA TÉCNICA
PALMEIRAS 5 X 0 TIGRE (ARG)

Data: 21 de outubro de 2020, quarta-feira
Horário: 21h30 (de Brasília)
Local: Allianz Parque
Árbitro: Esteban Ostojich (URU)
Assistentes: Nicolas Taran e Richard Trinidad (ambos do URU)
Cartões amarelos: Viña, Zé Rafael (PAL) Melivillo, Leizza, Kestler, Cardozo (TIG)
Cartões vermelhos: -
GOLS: Raphael Veiga, aos 33 minutos do primeiro tempo (1-0); Gustavo Gómez, aos oito minutos do segundo tempo (2-0); Zé Rafael, aos 20 minutos do segundo tempo (3-0); Gabriel Veron, aos 30 minutos do segundo tempo (4-0); Rony, aos 36 minutos do segundo tempo (5-0)

Palmeiras: Weverton; Gabriel Menino (Mayke), Felipe Melo, Gustavo Gómez (Emerson Santos) e Viña; Danilo e Zé Rafael (Ramires); Gabriel Veron, Raphael Veiga e Wesley (Rony); Luiz Adriano (Willian). Técnico: Andrey Lopes (interino)

Tigre: Zenobio; Galmarini, Giacopuzzi , Rodríguez (Martínez) e Leizza (Becker); Monteserín, Cardozo, Gallardo (Bolaño), Morales e Melivillo; Magnin (Kestler). Técnico: Nestor Gorosito

Palmeiras