PUBLICIDADE
Topo

Seleção Brasileira

Thiago Galhardo mira próxima convocação da seleção: 'Pelo que fiz no Inter'

Thiago Galhardo é eleito melhor do Brasileirão em agosto - Reprodução/Internacional
Thiago Galhardo é eleito melhor do Brasileirão em agosto Imagem: Reprodução/Internacional

Colaboração para o UOL, em São Paulo

14/10/2020 11h40

Artilheiro do Campeonato Brasileiro com 14 gols, Thiago Galhardo foi uma das ausências mais sentidas na última convocação da seleção brasileira. O meia-atacante do Internacional declarou que acredita que pode estar na próxima lista de Tite se mantiver o nível de atuação.

"Pelos números que eu venho mantendo depois da convocação, com boas atuações também, aí eu começo a achar que ele pode olhar com carinho para mim, para o Marinho. Dia 5 de novembro, quem sabe, eu posso estar lá", disse o jogador em entrevista à ESPN.

"Nunca sonhei com seleção. Vivo perto da realidade. Nunca pensei em coisas que não pareciam possíveis de acontecer. Hoje eu vejo a seleção como um passo próximo pelo que eu estou fazendo no Inter com a ajuda dos meus companheiros. Acho que posso ir e atender as expectativas - não só do Tite, mas as minhas. ", acrescentou Galhardo.

Galhardo admitiu que tinha esperanças de ouvir seu nome na última convocação, mas afirmou não ter ficado chateado por não ser chamado. O jogador entende que Tite manteve a coerência ao manter nomes que já estavam presentes na lista de março.

"Confesso que fiquei esperançoso na última convocação, mas não chateado. (...) Acho que o Tite teve coerência no que ele fez, principalmente por conta da última convocação, em março. Ele já tinha chamado o Rodrigo Caio e o Everton Ribeiro. Ele manteve os critérios e chamou esses jogadores que estão se destacando há várias temporadas e ganharam tudo no ano passado", completou.

Após iniciar bem as eliminatórias sul-americanas para a Copa do Mundo, com vitórias sobre Bolívia - 5 a 0 - e Peru - 4 a 2, a seleção brasileira volta a jogar pela competição em novembro. No dia 14, os comandados de Tite encaram a Venezuela, em casa. No dia 17 (terça-feira), o Brasil visita o Uruguai.

Seleção Brasileira