PUBLICIDADE
Topo

UOL Esporte vê TV

Milton Leite critica falta de punição a Neymar e González: 'Dois culpados'

Milton Leite critica federação francesa por não punir Neymar e González - Reprodução/SporTV
Milton Leite critica federação francesa por não punir Neymar e González Imagem: Reprodução/SporTV

Colaboração para o UOL, em São Paulo

01/10/2020 13h41

Classificação e Jogos

O narrador Milton Leite reprovou a decisão da Comissão de Disciplina da Liga Francesa sobre a polêmica do jogo entre PSG e Olympique de Marselha, envolvendo Neymar e Álvaro González. Para o jornalista, a entidade - que avaliou não existirem provas suficientes - "inocentou dois culpados".

Para Milton Leite, a federação não poderia deixar o episódio passar em branco devido ao momento mundial, com o crescimento de movimentos como "Vidas Negras Importam". González foi julgado por supostamente chamar Neymar de "macaco". Já o brasileiro foi acusado de ofensa homofóbica e xenofóbica.

"É uma decisão ruim, porque ela inocenta dois culpados. Os dois erraram e deveriam ter sido punidos. Talvez dez jogos seja uma carga muito pesada, mas não dava para deixar passar em branco, pelo momento que a gente vive, por todas essas questões de preconceito no planeta. É tanto preconceito no mundo que esse tipo de punição serve para mostrar para a sociedade que o mundo mudou", destacou o narrador durante o "Redação SporTV".

Milton Leite ainda destacou que o "peso" de Neymar no futebol francês pode ter inibido a federação.

"Era preciso ter feito alguma coisa. Acho muito ruim decisão da federação. Se não fosse o Neymar o jogador que é, com o peso que tem para o futebol francês, talvez a punição tivesse acontecido", completou.

Em suas redes sociais, González celebrou o fim da polêmica: "Este pesadelo se foi, em parte, recompensado com uma sentença mais que merecida".

UOL Esporte vê TV