PUBLICIDADE
Topo

Barcelona

"Gostaria que fosse diferente", diz técnico do Barcelona sobre caso Arthur

Arthur acertou transferência para a Juventus e deixará Barcelona em meio à Liga dos Campeões - Albert Gea/Reuters
Arthur acertou transferência para a Juventus e deixará Barcelona em meio à Liga dos Campeões Imagem: Albert Gea/Reuters

Do UOL, em São Paulo

07/08/2020 08h35

O técnico do Barcelona, Quique Setién, disse que gostaria que a saída de Arthur do clube transcorresse de forma diferente, e não da maneira polêmica como tem sido. Sem opinar diretamente sobre o tema, o treinador disse que não conversa com o jogador desde a liberação do elenco para um período de férias.

Em julho, o brasileiro, que já está vendido à Juventus, pediu dispensa na reta final da temporada. A atitude foi criticada pelo presidente Josep María Bartomeu, mas Setién adotou tom mais conciliador.

"Falei com ele antes das férias, como todo mundo sabe, e desde então eu não falei com ele novamente. Tudo o que pude saber foi através do clube e é uma situação que transcende a minha posição e eu gostaria que fosse diferente, mas não posso dizer nada mais", disse.

Arthur é esperado nesta semana em Barcelona para encerrar seu vínculo com o clube para depois iniciar sua trajetória na Juventus.

Para o meio-campista Frankie De Jong, a perda de Arthur na reta final da temporada é ruim para todos.

"É triste. A situação é difícil para todos, para o clube, para o próprio Arthur, para o vestiário. Não sei os detalhes de como chegou a esse ponto, por isso é difícil para mim dar uma opinião", disse.

Barcelona