PUBLICIDADE
Topo

Rubro-negros relatam problemas em transmissão: MyCujoo se posiciona

Torcida do Flamengo - Alexandre Vidal - Marcelo Cortes & Paula Reis / Flamengo
Torcida do Flamengo Imagem: Alexandre Vidal - Marcelo Cortes & Paula Reis / Flamengo

Do UOL, no Rio de Janeiro (RJ)

05/07/2020 12h18

Horas antes da partida entre Flamengo e Volta Redonda, válido pela semifinal da Taça Rio, torcedores rubro-negros fizeram reclamações em relação ao aplicativo "MyCujoo", pelo qual o duelo será transmitido.

O clube da Gávea, mandante do confronto, escolheu a plataforma e impôs a cobrança de R$ 10 aos que não são sócios.

Os relatos aconteceram nos comentários de uma publicação do Twitter oficial do Flamengo, que informava que os exames realizados no elenco para o jogo de logo mais deram negativo.

Torcedores informaram que não conseguiam completar o pagamento para ter acesso à exibição ao vivo. Alguns, inclusive, disseram que, após inúmeras tentativas, desistiram de comprar a entrada.

O "MyCujoo" fez uma postagem no Twitter em relação as reclamações e prometeu investigar e dar uma atualização em breve:

O Flamengo comunicou que utilizaria a plataforma e cobraria pela transmissão na noite da última sexta-feira. A medida, inclusive, gerou surpresa em membros da diretoria e dividiu cúpula.

Desde então, foram inúmeros protestos contra o alto escalão do clube e houve até pichações no muro da sede do Rubro-Negro, na Gávea, na Zona Sul do Rio. Em uma delas, o presidente Rodolfo Landim foi chamado de "ganancioso"

Ontem (4), em entrevista ao canal Fox Sports, Landim justificou a cobrança pela transmissão ressaltando que "precisa manter o time". Além disso, afirmou que a diretoria teria de, em algum momento, testar esse mercado digital.

O UOL Esporte procurou o Flamengo sobre os problemas relatados pelos torcedores, mas ainda não obteve resposta. A um dos rubro-negros que fez uma reclamação, a página oficial respondeu enviando um link do "MyCujoo" e indicando que o processo deveria ser feito por ali.

Flamengo