PUBLICIDADE
Topo

Cruzeiro tem novas ações na Fifa e precisa pagar R$ 14,1 milhões até agosto

Rafael Sóbis (à esquerda) chegou ao Cruzeiro em 2016. Ele pertencia ao Tigres, do México - Vinnicius Silva/Cruzeiro
Rafael Sóbis (à esquerda) chegou ao Cruzeiro em 2016. Ele pertencia ao Tigres, do México Imagem: Vinnicius Silva/Cruzeiro

Do UOL, em Belo Horizonte

23/06/2020 14h36

O Cruzeiro recebeu duas novas ordens de pagamento da Fifa. O clube precisa quitar uma dívida de US$ 2.286.840,00 (R$ 11,8 milhões na cotação atual) por Rafael Sóbis com o Tigres, do México, e outro débito de 395.619,00 (R$ 2,3 milhões) pelo empréstimo de Pedro Rocha com o Spartak Moscou, da Rússia. A soma é de R$ 14,1 milhões.

A pendência pela contratação de Sóbis, ocorrida em 2016, deve ser paga até 15 de julho de 2020. O outro valor tem que ser quitado até 6 de agosto deste ano.

Em ambos os casos, as penalidades são o impedimento de registro de atletas até que as referidas pendências sejam pagas. De acordo com o próprio clube, nenhum dos casos envolve punições como perda de pontos e tampouco rebaixamento de divisão.

A diretoria explica ainda que tem monitorado de perto as ações na FIFA e mantido diálogo direto com os demais clubes envolvidos. Os mineiros dizem não medir esforços para que todas as pendências sejam resolvidas da melhor forma possível.

Cruzeiro