PUBLICIDADE
Topo

Há um ano, paralisação interrompeu fase quase invencível do Palmeiras

Palmeiras de Luiz Felipe Scolari caiu de produção após parada em 2019 - Cesar Greco/SE Palmeiras
Palmeiras de Luiz Felipe Scolari caiu de produção após parada em 2019 Imagem: Cesar Greco/SE Palmeiras

Do UOL, em Santos (SP)

02/06/2020 04h00

Resumo da notícia

  • Palmeiras de Felipão vivia momento incrível antes da parada em 2019
  • Mas paralisação fez mal ao time, que só caiu depois da Copa América
  • Palmeiras foi eliminado da Copa do Brasil e da Copa Libertadores...
  • ... e ainda ficou cada vez mais longe da briga pelo Brasileirão

Há exato um ano, em junho de 2019, o Palmeiras comandado por Luiz Felipe Scolari 'passeava' no futebol nacional e vivia a melhor fase da segunda passagem do treinador pelo clube, iniciada em julho de 2018. Entre partidas da Copa Libertadores, da Copa do Brasil e do Campeonato Brasileiro, o time alviverde alcançava uma sequência de dez vitórias consecutivas, concretizada no dia 13, com um triunfo tranquilo sobre o Avaí, por 2 a 0, no Allianz Parque.

O resultado deu ao Palmeiras a liderança temporária do Brasileiro, que a partir de então seria paralisado para a disputa da Copa América no Brasil. Veio, então, quase um mês de espera até que os campeonatos fossem retomados. Quando isso aconteceu, a história já era outra; a equipe de Felipão não conseguiu manter a fase quase imbatível de antes e caiu de produção.

A volta imediata até não foi ruim, com uma vitória sobre o Internacional por 1 a 0, no jogo de ida das quartas de final da Copa do Brasil, e um empate contra o São Paulo (1 a 1) no Morumbi, pelo Brasileiro. A sequência, porém, foi desastrosa: queda no torneio de mata-mata após derrota e eliminação nos pênaltis no Beira-Rio e revés para o Ceará, pelo Brasileirão.

E teve mais. Além de começar a despencar no Brasileirão, o Palmeiras de Felipão ainda sofreu o duro baque de ser eliminado da Libertadores pelo Grêmio, nas quartas de final, em pleno Pacaembu, mesmo depois de vencer o jogo de ida por 1 a 0. Levando em conta a derrota para o Inter no Beira-Rio, o Palmeiras acumulou uma sequência de 11 jogos com apenas duas vitórias.

Tal sequência, aliás, foi encerrada com uma derrota indiscutível para o Flamengo, que se consolidou cada vez mais na competição até conquistar o título na 34ª rodada.

Nesta temporada, será a vez de Vanderlei Luxemburgo tentar não deixar cair a peteca após uma longa paralisação, esta imprevista. Pela Copa Libertadores, o próximo adversário do Palmeiras é o Bolívar, em jogo válido pela terceira rodada da fase de grupos. Já pelo Campeonato Paulista, o clube alviverde tem pela frente um clássico contra o arquirrival Corinthians.

O Palmeiras de Luxemburgo está invicto há oito jogos. A última derrota - e, aliás, única em 2020 - foi para o Red Bull Bragantino, pelo Paulistão. No total, são oito vitórias, cinco empates e um revés, entre jogos do Estadual e da Libertadores.

Palmeiras