PUBLICIDADE
Topo

Palmeiras só tem mais uma chance de evitar seu 2º maior jejum no Paulistão

Jogadores do Palmeiras comemoram gol contra o Mirassol, em jogo do Paulistão - Bruno Ulivieri/AGIF
Jogadores do Palmeiras comemoram gol contra o Mirassol, em jogo do Paulistão Imagem: Bruno Ulivieri/AGIF

Do UOL, em São Paulo

26/03/2020 04h00

Classificação e Jogos

O Palmeiras tenta em 2020 encerrar um jejum de mais de uma década sem títulos do Paulistão. Na atual temporada, o clube tem a última chance de evitar a segunda maior seca da sua história no Estadual.

Campeão paulista pela última vez em 2008, o Palmeiras pode alcançar a marcar negativa de 12 anos sem ser campeão estadual. O maior jejum palmeirense é de 17 anos, entre 1976 e 1993, ano em que saiu da fila com vitória por 4 a 0 sobre o Corinthians na final.

A segunda maior seca palmeirense no Paulistão foi encerrada justamente no último título. Àquela altura, o time pôs fim a um período de 12 anos sem dar a volta olímpica.

O Palmeiras soma apenas quatro títulos estaduais desde 1974. Coincidentemente, os quatro troféus foram conquistados sob o comando de Vanderlei Luxemburgo, que voltou ao clube no começo da atual temporada.

Nos últimos 12 anos, a melhor campanha do Palmeiras foi um vice-campeonato. Em 2015, o time perdeu para Santos nos pênaltis. Três anos depois, foi derrotado pelo Corinthians, novamente nas penalidades máximas.

Os palmeirenses foram eliminados na semifinal em 2009 (pelo Santos), 2011 (Corinthians), 2014 (Ituano), 2016 (Santos), 2017 (Ponte Preta) e 2019 (São Paulo). O time caiu nas quartas de final em 2012 (Guarani) e 2013 (Santos). Há dez anos, a equipe foi eliminada na primeira fase.

O Paulistão foi paralisado por causa do avanço do coronavírus ao fim da 10ª rodada da fase de grupos. O Palmeiras ocupa a segunda posição do Grupo B, com 19 pontos, mesmo número do Santo André, que fica à frente pelo número de vitórias. O Novorizontino soma 16 pontos.

Maiores jejuns de títulos estaduais do Palmeiras

17 anos (1976-1993)
12 anos (1996-2008)
11 anos (2008-2019)*
9 anos (1950-1959)
6 anos (1966-1972)
6 anos (1914-1920)
6 anos (1920-1926)
5 anos (1927-1932)

* em curso

Palmeiras