PUBLICIDADE
Topo

Ajax anuncia compra e Antony promete dar a vida antes de deixar o São Paulo

Antony e seus representantes durante a assinatura dos documentos da transferência para o Ajax - Divulgação
Antony e seus representantes durante a assinatura dos documentos da transferência para o Ajax Imagem: Divulgação

Do UOL, em São Paulo

22/02/2020 15h19

Antes mesmo do anúncio oficial do Ajax — que foi feito pouco depois da publicação da matéria —, os representantes de Antony confirmaram hoje a saída do São Paulo para o clube holandês. E o atacante de 20 anos falou pela primeira vez sobre a transferência que será consumada apenas no meio deste ano.

"Eu sempre deixei claro que só aceitaria alguma proposta se fosse boa para o São Paulo, que é o clube que me abriu as portas na infância, me transformou e me ensinou muito dentro e fora de campo. Meus empresários também entenderam esse meu desejo de ajudar o clube e tudo foi feito de forma bem transparente. Tenho uns meses ainda aqui no São Paulo e, como torcedor que sempre fui do clube, darei minha vida dentro de campo para conquistar títulos e deixar o time da melhor maneira possível na temporada", afirmou o garoto, que terá a chance apenas de ser campeão paulista antes de deixar o Morumbi.

A venda de Antony foi acertada no fim da semana passada, como revelou o UOL Esporte. Se somados os bônus por metas, a transferência pode render até 22 milhões de euros (aproximadamente R$ 104,7 milhões) aos cofres do São Paulo, que amarrou ainda com os holandeses a venda dos 20% dos direitos econômicos de David Neres que ainda estavam com o Tricolor — essa parte do negócio custou 7 milhões de euros (R$ 33,3 milhões).

Quem viajou para a Holanda para concluir as conversas com o Ajax foi o gerente-executivo de futebol do São Paulo, Alexandre Pássaro. Os representantes de Antony também estiveram nos encontros — o empresário Júnior Pedroso e o advogado Cristiano Torelli. Pelo lado do Ajax, o diretor esportivo e ex-jogador Marc Overmars foi o responsável pelas tratativas.

"Recentemente, o Ajax avançou o interesse e nos apresentou um projeto de carreira bem interessante para o Antony, que coincidiu com a necessidade do São Paulo de equilibrar seu balanço financeiro. Não conseguimos avançar essa situação antes da janela de inverno europeia, mas em seguida conseguimos ajustar os interesses entre os clubes e o Antony", ponderou Pedroso.

Depois de realizar os exames médicos em São Paulo, Antony assinou os documentos restantes para concretizar a venda para o Ajax e resolveu burocracias de um seguro feito pelos holandeses para poder atuar pelo Tricolor até o fim de junho.

"Precisamos ter paciência por mais alguns meses antes de Antony começar conosco, mas saibam que com ele teremos um jogador criativo que pode jogar em qualquer posição do setor ofensivo. Já é certo que alguns de nossos jogadores nos deixarão na próxima janela de transferências. Precisamos nos planejar para isso e é importante que tenhamos conseguido fechar essa contratação", ressaltou Overmars.

São Paulo