PUBLICIDADE
Topo

Futebol


Kannemann faz cirurgia no pé esquerdo e aumenta tempo fora no Grêmio

Divulgação/Site oficial do Grêmio
Imagem: Divulgação/Site oficial do Grêmio

Jeremias Wernek

Do UOL, em Porto Alegre

13/02/2020 09h38Atualizada em 13/02/2020 11h53

Classificação e Jogos

O zagueiro Walter Kannemann, do Grêmio, foi submetido a cirurgia ambulatorial no pé esquerdo e está oficialmente fora do Gre-Nal da semifinal do primeiro turno do Campeonato Gaúcho, sábado, no estádio Beira-Rio. O procedimento considerado pequeno tratou as dores do jogador, contraídas no final de janeiro em jogo diante do São José-POA, pelo estadual.

A informação da intervenção cirúrgica no camisa 4 do Grêmio foi dada pela Rádio Gre-Nal e confirmada ao UOL Esporte.

O jogador retirou um calo do dedo polegar do pé e também mexeu em uma das unhas. A previsão é de que o zagueiro ficará fora dos jogos do clube gaúcho por mais três ou quatro semanas.

Sem Kannemann, Paulo Miranda continua no time ao lado de David Braz — substituto de Geromel, que também passou por cirurgia no início deste ano.

O UOL Esporte já havia mostrado que Kannemann iria ficar fora do clássico contra o Internacional. A única dúvida na escalação segue sendo Matheus Henrique, que voltou da seleção brasileira sub-23 e é avaliado fisicamente.

A cirurgia, no entanto, é novidade e aumenta o prazo de ausência de Kannemann no time. A intervenção ambulatorial ocorreu na quarta-feira à noite, em Porto Alegre.

O Grêmio deve atuar diante do Inter com: Vanderlei; Victor Ferraz, Paulo Miranda, David Braz e Bruno Cortez; Maicon, Matheus Henrique (Lucas Silva), Alisson, Luciano e Everton; Diego Souza.

Confira nota oficial do departamento médico do Grêmio

O Departamento Médico do Grêmio informa que o atleta Walter Kannemann submeteu-se a um procedimento cirúrgico no hálux esquerdo, para ressecção de uma exostose, na noite da última quarta-feira, 12.

Por se tratar de lesão crônica, optou-se inicialmente pelo tratamento conservador, que não apresentou a evolução esperada. Em decisão conjunta com o atleta, decidiu-se então pela intervenção para retirada da calcificação.

O prazo para retorno às atividades normais no Clube é de três a quatro semanas.

Departamento Médico do Grêmio Foot-Ball Porto Alegrense

Futebol