PUBLICIDADE
Topo

Volante Éderson rescinde com Cruzeiro e está livre no mercado da bola

Volante foi um dos poucos destaques positivos do Cruzeiro no Brasileirão de 2019 e agora está livre no mercado da bola - Bruno Haddad/Cruzeiro
Volante foi um dos poucos destaques positivos do Cruzeiro no Brasileirão de 2019 e agora está livre no mercado da bola Imagem: Bruno Haddad/Cruzeiro

Enrico Bruno

Do UOL, em Belo Horizonte

11/02/2020 14h40

O volante Éderson se desvinculou do Cruzeiro e está livre para acertar com outra equipe no mercado da bola. Nesta terça-feira (11), o jogador esteve na sede administrativa para assinar a rescisão contratual e se desligar de vez do clube mineiro. O Bahia já mostrou interesse em levar o atleta.

No início deste ano, Éderson entrou com uma ação contra o Cruzeiro na Justiça. O volante cobrava salários atrasados, além de outras pendências como direito de imagem, 13º, férias e FGTS. Para ficar livre, o atleta topou tirar a ação contra o clube em troca da liberação do contrato. O mesmo foi feito com o atacante David, que também pertence ao empresário André Cury e que já deixou o Cruzeiro para jogar no Fortaleza, já tendo, inclusive, marcado gol na equipe de Rogério Ceni.

Apesar de se livrar do pagamento dos atrasados em troca da liberação do jogador, o Cruzeiro ainda permanece com uma dívida com o Deportivo Brasil, ex-clube do volante de 20 anos. A Raposa adquiriu 50% dos direitos econômicos do jogador, mas só pagou uma das onze parcelas, e por isso ainda tem um débito de pouco mais de R$1 milhão para ser efetivado.

Apesar da pouca idade, Éderson foi um dos destaques do Cruzeiro na péssima campanha do Brasileirão passado, ganhando espaço no meio-campo após as saídas de Lucas Silva e Romero, além de desbancar jogadores tarimbados como Ariel Cabral e Jadson. Com 22 partidas e dois gols marcados, ele virou uma das peças centrais do meio-campo ao lado de Henrique. Em 2020, o Bahia já mostrou interesse em contar com o jogador e agora pode voltar a fazer contato para tentar contratá-lo.

Cruzeiro