PUBLICIDADE
Topo

Apresentado, Rodinei diz que escolheu jogar no Inter para ter novo desafio

Rodinei é apresentado com a camisa do Internacional para temporada 2020 - Marinho Saldanha/UOL
Rodinei é apresentado com a camisa do Internacional para temporada 2020 Imagem: Marinho Saldanha/UOL

Marinho Saldanha

Do UOL, em Porto Alegre

13/01/2020 12h14

Rodinei foi apresentado como jogador do Inter na manhã de hoje (13). O jogador de 27 anos disse que escolheu atuar no clube por um novo desafio na carreira após quatro anos de Flamengo.

"Eu tive a escolha de vir para o Inter. Estou no Flamengo desde 2016, são quatro anos, graças a Deus tivemos todas essas conquistas maravilhosas no ano passado. Mas eu gosto de novos desafios. Em nenhum momento o Flamengo me falou para procurar clube que, não iria usar. Mas o Rodrigo (Caetano, executivo do Inter) falou comigo do interesse do Inter, eu disse que também tinha interesse. Então, a palavra que defino é essa, a escolha é porque quero um novo desafio, um lugar bom, onde já tenho amigos, um time de muita história. E agora é trabalhar firme para conquistarmos grandes coisas neste ano", disse o jogador.

Rodinei assina por empréstimo de uma temporada com cláusula de compra ao fim do período. A escolha por ele se deu pelas características de jogo, que casam com a ideia que Eduardo Coudet quer implantar no time.

"Eu já acompanhava o professor pelo Racing. Dava para ver que o time dele era muito intenso. Eu sou um jogador de intensidade e força, foi por isso que ele me escolheu. Mas eu estou me apresentando hoje, à tarde vou para o campo, agora é me preparar para conseguir dar meu melhor neste ano e conquistar grandes coisas neste clube gigante", acrescentou.

A chegada cria concorrência por vaga no time titular. Em 2019, Heitor foi dono do posto ocupado também por Rodinei.

"Já posso considerar o Heitor como amigo, conversamos muito desde que eu cheguei. Um moleque do bem e parceiro. Sobre disputa de posição, no futebol não se pode desmerecer ninguém. Tem que treinar firme, quem vai decidir quem vai jogar é o treinador. O que eu posso ajudar é dar conselhos, sim, porque tenho 27 anos, ele tem 20 (na verdade 19). Fez um grande ano com a camisa do Inter, tem o carinho da torcida, mas quero ajudar e somar. Quem decide é o treinador. O calendário brasileiro é extenso e terá oportunidade para todos jogarem", finalizou.

Rodinei se apresentou depois dos demais em razão da participação do Flamengo no Mundial de Clubes, e a necessidade de ter um período mínimo de férias. O atleta já foi integrado ao elenco gaúcho.

Internacional