PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Coudet quer dar oportunidade a jovens no Inter: "A bola não pede documento"

Eduardo Coudet, técnico do Inter, pretende reforçar trabalho com jovens - Marinho Saldanha/UOL
Eduardo Coudet, técnico do Inter, pretende reforçar trabalho com jovens Imagem: Marinho Saldanha/UOL

Marinho Saldanha

Do UOL, em Porto Alegre

19/12/2019 16h42

Eduardo Coudet já trabalhou com vários jovens que se consolidaram no futebol mundial. Lautaro Martinez, Renzo Saravia, Lo Celso, Cervi, todos passaram pelo comando do atual técnico do Inter. E de olho em repetir essa fórmula, ele foi taxativo em sua coletiva de apresentação.

"A bola não pede documento", disse quando questionado se havia observado as categorias de base. "A verdade é que eu tenho como característica isso, eu gosto de ver os jovens. Já observei o que temos no Inter e alguns que já podem estar no principal. Quando tive a chance de trabalhar com jogadores que depois tiveram sucesso, é porque eles estavam ali, no grupo. O Inter tem muito bons projetos e tomara que eu, neste tempo, os ajude a se tornar uma realidade no time principal", completou.

Trabalhar com jogadores jovens não é uma imposição, mas algo que aconteceu naturalmente na carreira de Coudet. No Rosario Central, a condição financeira obrigou a utilização de um time sem tanta experiência. Diferente do que houve no Tijuana, quando vários jogadores chegaram junto ao treinador. E no Racing houve tanto atletas iniciantes quanto contratados e mais experientes.

"Eu não busco jogadores por juventude ou experiência, mas a necessidade que possamos ter no time. No Rosario, tivemos que apostar na base porque não tínhamos muito dinheiro para investir. Eles (jogadores) estavam lá e por isso conseguimos trabalhar bem. Não olho idade, não olho nada, só escalo quem estiver melhor", afirmou o técnico.

O Internacional tem objetivo de apostar firme na base em 2020. Destaque da seleção brasileira sub-17, João Peglow irá começar o ano no time principal. O mesmo vale para Johny, convocado para seleção sub-23 dos Estados Unidos, e outros atletas que se destacam no clube, como Netto, José Gabriel e José Aldo.

No entanto, isso não quer dizer que atletas mais experientes não tenham espaço. D'Alessandro, por exemplo, renovará vínculo nos próximos dias. Musto e Rodinei, jogadores encaminhados com o clube, também já possuem boa rodagem.

Internacional