Topo

Futebol


De fake news a áudio vazado: Thiago Neves rouba cena com polêmicas em 2019

Do UOL, em São Paulo

29/11/2019 13h41

O áudio vazado de Thiago Neves cobrando salários atrasados do Cruzeiro é só mais uma página na lista de polêmicas do jogador em 2019 e coloca mais lenha na fogueira piorando a difícil situação do time mineiro na temporada. A equipe é a 17ª colocada com 36 pontos e corre risco de rebaixamento no Brasileirão.

Comentário infeliz sobre Brumadinho

A primeira polêmica do ano envolvendo Thiago Neves ultrapassou os limites do campo e mexeu com a tragédia da barragem de Brumadinho, em Minas. O meia usou o ocorrido para provocar o rival Atlético-MG. Ele publicou uma foto com o símbolo do Galo dizendo "barragem que já caiu uma vez assusta moradores de Vespasiano e região. Atenção aí pessoal!". A postagem foi a mais infeliz do jogador no ano. O meia pediu desculpas.

"Galera, peço sinceras desculpas pela infelicidade do último story que fiz. Na intenção de brincar com o rival, não percebi naquele momento que estava excedendo os limites e que isso poderia chatear tanta gente", disse.

'Fake news' sobre fala de jornalista

Thiago Neves também caiu em 'fake news'. Ele criticou o comentarista da ESPN e blogueiro do UOL Mauro Cezar Pereira por um suposto comentário que teria sido feito durante o programa Bate-Bola Bom dia. No entanto, o meia usou apenas o print que estaria descrevendo o que foi dito por Mauro. No áudio, a fala do jornalista era bem diferente. O jornalista havia respondido se era melhor perder por 2 a 0 jogando ofensivamente como o Flamengo contra o Emelec ou empatar por 0 a 0 como o Cruzeiro contra o River Plate, em citações aos jogos daquela semana de julho da Copa Libertadores.

Thiago Neves escreveu: "Galera, o que esse mongol quer é atenção, ibope! Tem que avisar ele uma coisa, se ele quer espetáculo, que vá no circo ou sei lá para onde. Nenhum time no Brasil está jogando isso tudo também! Já falou besteira do Fred, Abel e muitos outros, vamos parar de dar atenção para esse maluco aí!", escreveu. Sem ser específico, o jogador ainda postou "incomodamos eles demais, porque deve ser difícil ficar anos sem comemorar um título!".

O comentário completo de Mauro Cezar foi diferente: "O pior é em 15 jogos ganhar um, perder sete e empatar sete e praticar o futebol sofrido como faz seu time (em teoria o Cruzeiro, que seria o time do torcedor que fez a pergunta), isso é muito pior. E, aliás, o Flamengo não jogou e nem poderia jogar defensivamente nem se o Mano fosse o técnico do Flamengo, porque tomou gol com 10 minutos, então não tem como jogar defensivamente", disse.

"Acho interessante que torcedores como esse que defendem arduamente o futebol covarde e retranqueiro que é adotado pelo Mano no Cruzeiro. Ele não falou que é cruzeirense, mas a gente percebe, ninguém é burro. Assustador como essas pessoas desconhecem até o tamanho do próprio clube e dizem que são apaixonados por ele. Vamos aguardar mais um pouco para ver o que acontece", completou.

Polêmicas com Rogério Ceni

Nem o treinador Rogério Ceni, que teve curta passagem pelo Cruzeiro, escapou de se envolver em algo polêmico com Thiago Neves. A difícil relação dos dois foi exposta na mídia. O técnico não resistiu à queda de braço com o jogador e deixou o clube pouco mais de um mês após chegar.

Uma das polêmicas aconteceu quando o meia criticou o treinador em público após a eliminação do time para o Inter na Copa do Brasil criticando "improvisações" feitas por Ceni no jogo. Rogério rebateu as declarações do meia.

"Às vezes o que aconteceu foi que ele viu um amigo no banco de reservas, no caso foi o Edilson. Então não houve improvisação", comentou na ocasião.
Após a saída de Ceni, que voltou para o Fortaleza, Thiago Neves afirmou que havia pedido desculpa para o treinador.

Causou surpresa em Abel Braga ao revelar lesão

Há menos de uma semana, Thiago Neves disse em entrevista após jogo contra o Santos que vem atuando no Cruzeiro com dores. "Estou sentindo várias dores, no joelho, panturrilha e outras partes do corpo. Poucos sabem, mas estou convivendo com muitos problemas", disse. O técnico Abel Braga foi questionado na coletiva de imprensa sobre o seu meio-campista e a resposta foi uma surpresa do treinador.

"Sinceramente, eu vou falar de alma lavada. Estou surpreso com esse comentário, porque eu não sei disso. Eu não sei disso. O Fred viajou conosco, mas ele pegou uma virose do filho, que teve problema. Ele ficou no banco, mas nem poderia entrar. Mas ele veio. O Thiago tem sido o jogador que mais corre em relação aos quilômetros. Estou surpreso, porque esse é um detalhe importante e não chegou até mim", declarou Abel.

Futebol