PUBLICIDADE
Topo

Flamengo

B. Henrique fica a um gol de Gabigol e briga pela artilharia do Brasileiro

Leo Burlá

Do UOL, no Rio de Janeiro (RJ)

27/11/2019 23h46

Herói da vitória do Flamengo por 4 a 1 sobre o Ceará, o atacante Bruno Henrique chegou aos 21 gols e colou em Gabigol, artilheiro do Campeonato Brasileiro, com 22.

Suspenso pela expulsão contra o Grêmio, o camisa 9 tem um a mais e vê seu companheiro de ataque tornar-se uma ameaça cada vez mais real.

Bruno marcou três vezes no jogo que marcou a entrega da taça ao Flamengo e apenas reafirmou seu protagonismo em 2019. Decisivo em todas as competições, o atacante foi ovacionado pela torcida.

O desempenho da parceria ajuda a explicar como o time carioca bateu outro recorde do Brasileirão na era de pontos corridos. Seu melhor ataque já é o melhor do Brasileirão com o atual formato (na disputa com 20 clubes), 77 gols, igualou o Cruzeiro de 2013, restando ainda três partidas para o fim. Além disso, os comandados de Jorge Jesus têm agora a melhor campanha —pela maior soma de pontos—, assim como também já garantiram o melhor aproveitamento.

Com o troféu na mão, o elenco rubro-negro vê a briga pela artilharia ficar acirrada dentro de casa. No domingo, a equipe visita o Palmeiras, às 16h, no Allianz Parque.

Flamengo