Topo

Espanhol - 2019/2020


Quer jogar no Barça ou no Real? Aplicativo e reality show podem ajudar

David Ramos/Getty Images
Imagem: David Ramos/Getty Images

José Edgar de Matos

Do UOL, em São Paulo (SP)

12/11/2019 04h00

Resumo da notícia

  • O reality show Bravo!, que será exibido na ESPN, vai levar 18 garotos entre 16 e 19 anos para passar por testes na Espanha.
  • O programa conta com a parceria do Tero, aplicativo destinado a jogadores que buscam se colocar no mercado da bola.
  • Neste aplicativo, os candidatos se inscrevem e postam um vídeo de melhores momentos. A partir daí ganham uma "nota" de análise tática e técnica.
  • O Bravo! tem o apoio da LaLiga, liga responsável por organizar o Campeonato Espanhol da 1ª e 2ª divisão.
  • Luís Fabiano, Edmílson, Zé Roberto, Denílson, Djalminha e Cafu serão os embaixadores do programa.

Quem não sonhou em ser um jogador de futebol? O refrão de 'É uma partida de futebol', música que ficou consagrada com a banda Skank, ilustra o sonho de muitas crianças e adolescentes do Brasil. Ser profissional é um objetivo, atuar na Europa surge como complemento. Ambos desejos podem ser alcançados com uma combinação de talento, tecnologia e a participação em um reality show com exibição da ESPN, canal que pode ser acessado via UOL Esporte Clube.

A emissora vai exibir o 'Bravo!', programa da LaLiga que vai levar 18 jogadores para passar por testes em equipes da primeira e da segunda divisão do Campeonato Espanhol. Quem sonha em atuar em solo espanhol, e até alcançar objetivos ainda maiores como defender Barcelona ou Real Madrid, deve se inscrever no site do evento até 1º de dezembro. O reality contará com a participação de jovens entre 16 e 19 anos.

Os interessados vão preencher uma ficha, responder a um teste e mandar um vídeo com os melhores momentos em campo. Esta primeira peneira virtual terá análise de profissionais credenciados pela LaLiga e a ajuda de algoritmos do aplicativo 'Tero', que reúne atletas, treinadores e os conecta na busca por oportunidades no mercado da bola.

"Nosso aplicativo funciona como um clube de futebol normal, com o famoso 'peneirão'. Ele permite de maneira democrática que o jogador possa entender o seu perfil, podendo ver as deficiências e no que precisa evoluir para aumentar o próprio nível. Temos análise tática [medida por algoritmos, pelos vídeos cadastrados] para mostrar a noção tática, pois entendemos que a performance é melhor quanto mais se entende do jogo, e treinadores que vão se cadastrar para avaliar tecnicamente os atletas", explicou Bruno Pessoa, cofundador da Tero.

Zé Roberto e Denílson na festa de lançamento do Bravo!, reality da LaLiga com a ESPN - Divulgação
Zé Roberto e Denílson na festa de lançamento do Bravo!, reality da LaLiga com a ESPN
Imagem: Divulgação

A tecnologia é a conexão para o primeiro corte. Com base nos algoritmos e avaliação dos técnicos, que também têm o seu espaço no aplicativo, todos os inscritos no reality serão avaliados. Deste grupo saem os 900 para as peneiras entre os dias 19 e 27 de janeiro, na cidade de Sorocaba.

A partir do dia 28 de janeiro até 16 de fevereiro, os 78 melhores atletas serão divididos em seis times e incorporados em regime de concentração para trabalhar sob a metodologia espanhola, com estrutura próxima à encontrada nos times da LaLiga. Cada equipe conta com um embaixador, jogadores que atuaram na Espanha: Luís Fabiano, Edmílson, Zé Roberto, Denílson, Djalminha e Cafu.

Castelló, representante do Campeonato Espanhol no Brasil, fala sobre o reality show - Divulgação
Castelló, representante do Campeonato Espanhol no Brasil, fala sobre o reality show
Imagem: Divulgação

Os 13 vencedores do torneio, disputado em mata-mata, viajam à Espanha com cinco outros destaques da competição para treinar e jogar contra times espanhóis, além de serem observados por outros olheiros dos 40 clubes da primeira e da segunda divisão espanhola. Sonhar com Barcelona ou Real Madrid agora é possível, em caso de sucesso no aplicativo e no programa.

"Reality pode ajudar. Todo este filtro que vamos fazer vai fazer com que os jogadores cheguem à Espanha mais conhecidos, com mais chances de ficar. Será uma grande vitrine para alguns deles fecharem contrato com clubes da LaLiga", declarou Albert Castelló, representante do Campeonato Espanhol no Brasil.

Os jovens participantes do programa da ESPN podem se espelhar em dois nomes ainda tratados como revelações do futebol brasileiro. Tanto Vinícius Júnior quanto Rodrygo chegaram ao Real Madrid aos 18 anos e conquistaram precocemente espaço no maior vencedor da Europa; o ex-santista, atualmente, é titular e quebrou recordes ao marcar três gols contra o Galatasaray na Liga dos Campeões. A tendência da Espanha é olhar cada vez mais para os jovens brasileiros.

"Queremos detectar este talento mais cedo. Sabemos da restrição sobre a transferência de menores de 18 anos, mas cada vez mais os clubes precisam se antecipar e contratar a um custo mais baixo. Detectar este talento de forma prematura vai ajudar os times da LaLiga", concluiu Castelló.