Topo

Esporte


Juca Kfouri: "Corinthians ganhou com a saída do Carille uma força do grupo"

Do UOL

Em São Paulo

11/11/2019 14h56

Uma semana após a queda do técnico Fábio Carille e o Corinthians somou quatro dos seis pontos disputados no Campeonato Brasileiro para se manter bem na briga por vaga na Libertadores. Se a derrota para o Flamengo significava o oitavo jogo sem vencer, o time se recuperou comandado pelo interino Dyego Coelho para vencer o Fortaleza e empatar com o Palmeiras no clássico do fim de semana.

Durante o segundo bloco do podcast Posse de Bola, os comentaristas analisaram a mudança de perspectiva do Corinthians depois da troca de técnico, os dois jogos sob o comando de Coelho e o que esperar de Tiago Nunes para a próxima temporada.

"O Corinthians ganhou com a saída do Carille uma força do grupo que o São Paulo não tem, o São Paulo é um bando de Borjas pós-crítica do Mano Menezes. O Corinthians é o time que perde os dois principais jogadores para o dérbi, o goleiro e o lateral, e os dois personagens do jogo para o Corinthians são o goleiro reserva e o lateral reserva, um que pega o pênalti e outro que faz o gol. O Michel Macedo foi mais útil para o Corinthians, apesar de ser uma avenida, do que o Daniel Alves é pro São Paulo", afirmou Juca Kfouri.

Mauro Cezar Pereira elogiou a postura do treinador interino do Corinthians, que durante o clássico com o Palmeiras fez mudanças ousadas que o antecessor não fazia no comando do time em uma situação na qual o empate era mais confortável a ele do que ao rival Palmeiras, mandante do jogo e na disputa pelo título.

"Achei o Coelho bem interessante com a postura nos dois jogos. Soltou mais o time, depois ele foi empurrado pelo Palmeiras que tem mais time. Mas ele fez mudanças para tentar ganhar o jogo, ele tentou ganhar o jogo, teve uma ousadia que os técnicos não têm. Foi premiado, o gol não saiu por isso, foi um chute improvável, mas a origem do gol é o momento em que o time estava no ataque. Demonstrou coragem, não foi covarde", disse Mauro.

Para Arnaldo Ribeiro, o Corinthians foi certeiro ao mudar o comando técnico depois da derrota para o Flamengo e agir rápido para garantir o técnico Tiago Nunes para 2020.

"O Corinthians teve murro na mesa, por mais controversa que seja a figura, teve troca inteira de uma comissão técnica que estava sabotando o time, vai mudar tudo e escolheu o técnico certo, o melhor técnico que tinha disponível no Brasil.

Posse de Bola: quando e onde ouvir

A gravação do Posse de Bola está marcada para segundas-feiras às 9h, sempre com transmissão ao vivo pela home do UOL ou nos perfis do UOL Esporte nas redes sociais (YouTube, Facebook e Twitter). A partir de meio-dia, o Posse de Bola estará disponível nos principais agregadores de podcasts.

Você pode ouvir o Posse de Bola em seu tocador favorito, quando quiser e na hora que quiser. O Posse de Bola está disponível no Spotify e na Apple Podcasts, no Google Podcasts e no Castbox . Basta buscar o nome do programa e dar play no episódio desejado. No caso do Posse de Bola, é possível ainda ouvir via página oficial do UOL e YouTube do UOL. Outros podcasts do UOL estão disponíveis em uol.com.br/podcasts.

Esporte