Topo

Futebol


Mancini explica trocas no Atlético-MG e diz que não quer perder veteranos

Do UOL, em Belo Horizonte

02/11/2019 19h58

Vagner Mancini analisou as mudanças feitas no Atlético-MG para o jogo contra o Fortaleza, na noite de hoje. O técnico explica que tirou três atletas do time titular - Elias, Fábio Santos e Ricardo Oliveira - para oxigenar o elenco após a derrota por 2 a 0 para a Chapecoense.

O técnico, no entanto, não quer descartar os seus principais nomes, sobretudo os líderes do plantel, no restante de 2019.

"Ideia era dar uma cara nova. Os atletas vem jogando ao longo da temporada. Você perde um jogo para a Chapecoense em casa e vem um banho em todo mundo. Achei que era o momento de dar um gás novo, jogo fora de casa, de ver alguns atletas que não tinha visto, utilizado os atletas. A entrada do Terans foi muito boa, capacidade de chute de fora muito grande. Lógico que todos que entraram têm acertos e erros", declarou.

"A entrada do Marquinhos e do Bruninho também, deram juventude à equipe. Gera também surpresa no jogo. Acho importante não descartar ninguém. É importante a entrada do Ricardo Oliveira, do Fábio Santos, do Elias, do Leonardo Silva... mas também de ver novos jogos", acrescentou.

Futebol