Topo

Após novo lance polêmico, Inter mostra insatisfação com uso do VAR

Paolo Guerrero foi expulso contra o Flamengo e o Inter entende que sofreu pênalti naquele jogo - Thiago Ribeiro/AGIF
Paolo Guerrero foi expulso contra o Flamengo e o Inter entende que sofreu pênalti naquele jogo Imagem: Thiago Ribeiro/AGIF

Marinho Saldanha

Do UOL, em Porto Alegre

07/10/2019 10h38

O Internacional está descontente com uso do VAR. Após mais um lance polêmico no qual se considera prejudicado, o Colorado tem uma lista de reclamações sobre o uso incorreto ou não uso do sistema de árbitro de vídeo.

O último na relação de reclamações é o pênalti marcado a favor do Cruzeiro no jogo do último sábado. No lance, Patrick toma a bola e, na visão do clube gaúcho, não comete qualquer irregularidade no lance. O árbitro assinalou o pênalti que decretou empate em 1 a 1 em Minas Gerais.

Nem mesmo os jogadores do Cruzeiro entenderam a marcação no momento. Segundo apurou o UOL Esporte, atletas do adversário comentaram no campo com jogadores do Inter que não sabiam o que seria observado pelo juiz.

E o pleito do Inter reclamando da utilização do VAR é antigo. Pela Copa do Brasil, o Colorado reclama da falta marcada que anulou o gol de Victor Cuesta contra o Palmeiras. Já no Brasileiro, o gol do Atlético-MG na vitória do Inter por 3 a 1 que haveria impedimento, um dos gols anulados contra a Chapecoense, de Neilton, que foi assinalada falta de Edenilson, o pênalti não marcado em Paolo Guerrero contra o Flamengo, todos são alvos de questionamento sobre o uso da ferramenta.

A direção do Internacional esteve na CBF na última semana em uma reunião para ouvir os áudios do VAR do jogo com Flamengo. Nela, ainda apresentou uma série de vídeos de lances de jogos em que havia dúvida sobre a marcação.

Apesar de ter avaliação positiva do encontro, o novo momento de polêmica aumentou o descontentamento do clube gaúcho, que ocupa o sexto lugar na classificação do nacional.

Na quarta-feira, o Inter encara o CSA, fora de casa, pela 24ª rodada do Brasileiro.

Siga o UOL Esporte no