Topo

Flu se reforça com filho de Oswaldo e auxiliar de Cuca; Marcão ganha força

Daniel Cerqueira era observador técnico da comissão de Cuca  - Lucas Merçon/Fluminense FC
Daniel Cerqueira era observador técnico da comissão de Cuca Imagem: Lucas Merçon/Fluminense FC

Caio Blois

Do UOL, no Rio de Janeiro

03/10/2019 20h19

O Fluminense reforçou a comissão técnica com dois novos auxiliares: Gabriel Oliveira e Daniel Cerqueira. O primeiro é filho do ex-técnico Oswaldo de Oliveira, demitido na última sexta-feira (25), e volta ao clube após ser bem avaliado no período. Já o segundo trabalhava na comissão técnica de Cuca, que foi a primeira opção cogitada pelo Tricolor para o cargo de treinador.

As duas contratações fazem o interino Marcão ganhar ainda mais força para permanecer no comando da equipe até o fim do ano, segundo apuração do UOL Esporte. O auxiliar permanente agora terá a companhia dos dois profissionais e de Ailton, coordenador técnico do Sub-20 que foi alçado aos profissionais para ajudá-lo.

A informação foi primeiro veiculada pelo "Saudações Tricolores" e confimada pelo UOL Esporte. Antes analista de desempenho, Gabriel passou por Palmeiras e Vasco antes de chegar ao Flu. Apesar de ter saído do clube junto a seu pai, teve a recontratação indicada por agradar à cúpula de futebol.

Daniel também já teve passagem pelo clube. O profissional trabalhava como preparador físico e começou na carreira no próprio Fluminense, em 2005. Após desenvolver boa relação com Cuca, virou membro da comissão técnica do treinador, primeiro como analista de desempenho e depois como observador técnico.

Esteve com o técnico no Palmeiras e foi campeão brasileiro em 2016. Depois, passou por Santos e São Paulo, sempre com Cuca. Braço-direito do treinador, o estrategista é um importante analista tático das equipes adversárias e chega para dar respaldo técnico à comissão por ora chefiada por Marcão, com quem possui bom relacionamento.