Topo

Conselho do Cruzeiro convoca votação que pode afastar presidente do cargo

Votação nas próximas semanas poderá afastar Wagner Pires de Sá da presidência do Cruzeiro - © Washington Alves/Light Press/Cruzeiro
Votação nas próximas semanas poderá afastar Wagner Pires de Sá da presidência do Cruzeiro Imagem: © Washington Alves/Light Press/Cruzeiro

Enrico Bruno e Thiago Fernandes

Do UOL, em Belo Horizonte

02/10/2019 14h47

Zezé Perrella, presidente do Conselho Deliberativo do Cruzeiro, fará uma convocação aos conselheiros do clube para uma reunião extraordinária no dia 21 de outubro. Haverá votação para decidir o afastamento do presidente Wagner Pires de Sá e seus vices, Hermínio Lemos, Ronaldo Granata e Itair Machado.

O edital para a convocação oficial dos conselheiros será divulgado oficialmente nesta quinta-feira. O encontro ocorrerá em um hotel de Belo Horizonte. Para afastar o atual presidente do clube, serão necessários 50% dos votos mais um. "Como se trata de um afastamento, e não um impeachment, basta ter 'metade mais um' dos votos na reunião extraordinária", explicou o presidente do Conselho, Zezé Perrella.

Para impedimento definitivo, uma Assembleia Geral deveria ser convocada. Nela, 2/3 dos votos seriam necessários para tirar a cúpula atual.

Se a decisão for favorável ao afastamento, um conselho gestor com aproximadamente cinco pessoas deverá ser formado para administrar o clube.

Os bastidores do Cruzeiro estão conturbados há meses, principalmente desde o mês de maio, quando o clube virou alvo de investigações por práticas irregulares na atual gestão. No último final de semana, Wagner Pires esteve em um evento do clube e causou insatisfação dos opositores ao dizer que ficou com a "mamucha da laranja" ao virar presidente do Cruzeiro, fazendo uma referência à música de Zeca Pagodinho que estava sendo reproduzida por um grupo musical durante a confraternização. Wagner ainda afirmou que outros presidentes enriqueceram no clube, enquanto ele ficou mais pobre.

"Essa música é efetivamente a situação do Cruzeiro. Eu fiquei com a mamucha (bagaço) da laranja. Sobrou para mim. Só eu! A maioria dos que vieram aqui, veio para ficar rico. Eu, que já era rico, estou ficando pobre. A maioria deixou a mamucha da laranja. Sobrou pra mim", disse o mandatário.

Reprodução
Imagem: Reprodução

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{user.alternativeText}}
Avaliar:

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Cruzeiro