Topo

Futebol


Cafu presta homenagem ao filho que morreu, e recebe apoio de ex-jogadores

Cafu conforta a mulher, Regina, no velório de Danilo Feliciano de Morais, filho do casal, no cemitério Memorial Parque Paulista, em Embu das Artes (SP) - Leo Franco/Agnews
Cafu conforta a mulher, Regina, no velório de Danilo Feliciano de Morais, filho do casal, no cemitério Memorial Parque Paulista, em Embu das Artes (SP) Imagem: Leo Franco/Agnews

Do UOL, em São Paulo

06/09/2019 15h58

O ex-jogador Cafu falou pela primeira vez após a morte do filho Danilo Feliciano de Morais, aos 30 anos.

"Eu e minha família gostaríamos de agradecer o apoio de todos!", escreveu o atleta no Instagram. "Obrigado por cada mensagem, pela preocupação, e por todo carinho de vocês! Estou lendo todas as mensagens, mas infelizmente não vou conseguir responder a todos! Mas esse apoio de vocês faz toda diferença na minha recuperação e de toda minha família. Que todos continuem orando por nós. O apoio de vocês nos fortalece!".

O ex-lateral do São Paulo e da seleção brasileira recebeu o apoio de diversos amigos e de outros jogadores de futebol, como o colombiano James Rodriguez, que escreveu: "Muita força para você e sua família, Cafu."

Amoroso também comentou no post: "Te amo irmão e amo sua família, saiba disso! Força eterna, Capitão". O ex-jogador Figo se juntou ao grupo e deixou seu recado: "Muita força, amigo".

O craque do futsal, Falcão, também deixou uma mensagem para o ex-atleta: "Amém, irmão".

Danilo morreu na última quarta-feira, em São Paulo, vítima de um infarto. Ele passou mal enquanto jogava futebol na casa da família, em Barueri. O filho do Cafu chegou a ser levado para o hospital, mas não resistiu. Ele era o mais velho dos três filhos do ex-lateral do São Paulo e da seleção com a mulher, Regina.

Nas redes sociais, atletas, times nacionais, como o São Paulo, e internacionais, colegas do ex-jogador e a CBF lamentaram a morte.

"Seu sorriso estará sempre na nossa memória", disse o ex-jogador Amoroso ao postar uma foto ao lado de Danilo e Cafu. Já Rivaldo se disse "chocado com essa triste notícia".

Mais Futebol