Topo

Conselho Deliberativo do Vasco é convocado para discutir eleição direta

Roberto Monteiro, presidente do Conselho Deliberativo do Vasco, convocou reunião para discutir eleição direta - Paulo Fernandes / Flickr do Vasco
Roberto Monteiro, presidente do Conselho Deliberativo do Vasco, convocou reunião para discutir eleição direta Imagem: Paulo Fernandes / Flickr do Vasco

Bruno Braz

Do UOL, no Rio de Janeiro (RJ)

21/08/2019 11h34

Roberto Monteiro, presidente do Conselho Deliberativo do Vasco, convocou reunião do órgão para que possa ser discutida a possibilidade de uma mudança no estatuto para fazer com que a eleição para presidente do clube seja direta. Ou seja, o resultado dos votos dos sócios ser considerado o determinante na escolha do novo mandatário.

Atualmente, a eleição no Vasco é indireta. Os sócios do clube votam nas chapas concorrentes, o grupo vencedor leva 120 conselheiros, o segundo colocado leva 30 e estes se unem aos 150 conselheiros natos para que, a partir de nova reunião, o presidente cruzmaltino seja apontado.

Reprodução
Imagem: Reprodução

Até a eleição de 2017, o Conselho havia corroborado com a escolha dos sócios, elegendo o presidente vencedor nas urnas. No último pleito, porém, pela primeira vez na história do Vasco isso não aconteceu.

A chapa vencedora tinha Julio Brant como candidato a presidente e Alexandre Campello como vice, enquanto o grupo encabeçado por Eurico Miranda ficou na segunda colocação. No Conselho, porém, Campello deixou a chapa da qual fazia parte, uniu-se a Eurico e, com os votos no Conselho, se tornou o mandatário do clube.

A pauta de eleição direta não é nova nos corredores de São Januário. Em oportunidades anteriores, uma comissão chegou a ser formada para que a mudança no estatuto pudesse ser discutida, mas o assunto encontrava resistência e nunca avançou.

Na noite de ontem (20), Roberto Monteiro já indicou ser favorável à mudança.