PUBLICIDADE
Topo

Futebol


Sem Neymar, PSG vence Rennes e começa temporada com título

Mbappé comemora gol de empate na final do Troféu dos Campeões -  FRANCK FIFE / AFP
Mbappé comemora gol de empate na final do Troféu dos Campeões Imagem: FRANCK FIFE / AFP

Do UOL, em São Paulo

03/08/2019 10h31

O Paris Saint-Germain venceu a primeira partida oficial que disputou no ano batendo o Rennes de virada por 2 a 1 na final do Troféu dos Campeões, competição entre o vencedor do Campeonato Francês e da Copa da França. Neymar não jogou porque cumpria suspensão por ter agredido um torcedor depois de derrota na decisão da Copa da França diante do próprio Rennes.

O PSG controlou o jogo desde o começo e terminou com posse de bola em 68%. Mas foi o Rennes quem abriu o placar logo aos 13 minutos do primeiro tempo com Hunou. O Paris Saint-Germain pressionava e criava oportunidades. Mas os atacantes não estavam em um bom dia, tanto que foram 20 finalizações e somente sete na direção do gol.

Mas Mbappé conseguiu ser exceção aos 12 minutos do segundo tempo e empatou a partida. Ele aproveitou assistência do meia-atacante espanhol Pablo Sarabia. O empate teve contribuição de Marquinhos, único brasileiro que começou o confronto entre os titulares. Ele deu bela enfiada de bola para o companheiro que cruzou rasteiro para Mbappé completar.

O time buscava tanto a vitória que o atacante francês, eleito melhor jogador da decisão, pegou a bola nos braços para reiniciar a partida. A final, que foi disputada na cidade de Shenzhen, na China, manteve a mesma toada com o PSG pressionando e controlando as ações. O Rennes continuava a tática de jogar por uma bola.

FRANCK FIFE / AFP
Imagem: FRANCK FIFE / AFP

A virada teve o dedo do técnico Thomas Tuchel. Ele trocou Ander Herrera por Ángel Di María aos 16 minutos do segundo tempo e o argentino decidiu a decisão betendo falta com perfeição ao 28 minutos do segundo tempo.

Com o resultado, o PSG conquistou o segundo título consecutivo do Troféu dos Campeões. Thiago Silva entrou na etapa complementar e comemorou mais um título com os companheiros de clube.

Futebol