PUBLICIDADE
Topo

Por que São Paulo recusou proposta e manteve Igor Gomes no elenco

Igor Gomes, ,meia do São Paulo - Marcello Zambrana/AGIF
Igor Gomes, ,meia do São Paulo Imagem: Marcello Zambrana/AGIF

Flávio Latif e José Eduardo Martins

Do UOL, em São Paulo

01/08/2019 12h00

Conforme publicado pelo UOL Esporte ontem (31), o São Paulo recusou uma proposta de um clube da primeira divisão do Campeonato Espanhol pelo meio campista Igor Gomes. O jogador revelado em Cotia ganhou prestígio no Tricolor após boas atuações no primeiro semestre, no Campeonato Paulista, mas acabou perdendo vaga na equipe com a recuperação de Hernanes e a contratação de Tchê Tchê.

Apesar de não utilizar Igor Gomes entre os titulares, o técnico Cuca acredita no potencial do garoto e pretende contar com ele no elenco. O treinador, ao longo de sua carreira, demonstrou que tem preferência por jogadores que tenham mais versatilidade em campo. Na visão do comandante, Igor Gomes pode atuar como meia armador ou um pouco mais recuado, como joga Tchê Tchê, e assim aumentando o leque de possibilidades durante uma partida.

No início do ano, Raí, diretor executivo de futebol, comentou que não queria negociar nenhuma das promessas de Cotia. O planejamento da atual gestão do Tricolor paulista é manter a base no clube o maior tempo possível, diferentemente do que aconteceu nas últimas temporadas. A diretoria acredita que poderá aumentar o seu ganho, tanto financeiro, quanto esportivo, caso o jogador permaneça por mais tempo no Morumbi.

Outro fator que ajudou o São Paulo a optar pela permanência do atleta foi a falta de jogadores com as mesmas características de Igor Gomes. No atual elenco, apenas Lucas Fernandes se assemelha com o jogador, e o meia que passou a última temporada no Portimonense-POR está na mira de outros clubes.

Por esses motivos, o clube recusou a oferta de empréstimo e já abriu conversas para renovar o contrato de Igor Gomes.

São Paulo