PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Falcao quer repetir Jordan e jogar beisebol após aposentadoria do futebol

REUTERS/Eric Gaillard
Imagem: REUTERS/Eric Gaillard

Do UOL, em São Paulo

12/03/2019 11h31

Com 33 anos recém-completados, Falcao García começa a pensar no que fazer após a aposentadoria do futebol. E a vontade do atacante colombiano é seguir os passos de Michael Jordan, mas não no basquete. A ideia é repetir a tentativa de pouco sucesso do norte-americano no beisebol.

"Adoro beisebol. Quando era criança, na Venezuela, onde cresci, era o esporte que eu praticava. Eu sempre falo sobre isso com a minha mulher. Acho que quando terminar a carreira de jogador, vou começar a jogar beisebol profissionalmente. Como Michael Jordan, ainda que ele tenha sido um jogador de basquete e que não conseguiu chegar nas grandes ligas do beisebol. Eu quero ser o primeiro a ter sucesso", disse Falcao à revista "France Football".

Michael Jordan, na época em que jogava beisebol pelo Birmingham Barons - Focus on Sport/Getty Images - Focus on Sport/Getty Images
Imagem: Focus on Sport/Getty Images

Michael Jordan surpreendeu o mundo do basquete ao anunciar sua aposentadoria do esporte em 1993. Na época, ele afirmou ter perdido a vontade de seguir jogando. A decisão aconteceu pouco tempo depois do assassinato de seu pai, James Jordan.

Logo depois, Jordan assinou contrato com o Chicago White Sox, da MLB, a liga de beisebol dos Estados Unidos. A decisão foi influenciada por um desejo do pai de Michael, que sempre sonhou que o filho jogasse beisebol.

Jordan não chegou a atuar na principal liga do beisebol. Ele jogou entre 1994 e 1995 no Birmingham Barons, afiliado dos White Sox nas ligas menores dos Estados Unidos. O norte-americano voltou ao basquete em março de 1995.

Esporte