PUBLICIDADE
Topo

Real Madrid

Liga dos Campeões é última salvação para geração de Marcelo no Real?

Marcelo conversa com Vinicius Júnior durante jogo do Real Madrid - REUTERS/Javier Barbancho
Marcelo conversa com Vinicius Júnior durante jogo do Real Madrid
Imagem: REUTERS/Javier Barbancho

Do UOL, em São Paulo

05/03/2019 04h00

O Real Madrid só precisa de um empate contra o Ajax, hoje, no Santiago Bernabéu, para avançar às quartas de final da Liga dos Campeões e manter vivo o sonho do tetracampeonato consecutivo no continente. Falando assim, parece até algo empolgante, mas o atual tricampeão do torneio vive momento muito menos badalado do que nas últimas temporadas.

Em menos de um ano desde o terceiro título consecutivo, o time espanhol viu sua principal estrela sair, trocou de técnico e virou saco de pancadas do maior rival. A crise, com ou sem Champions, vai continuar, mas o torneio pinta como a última esperança para uma das gerações mais vitoriosas da história do clube.

De 2016 a 2018, o técnico Zinedine Zidane conduziu o time ao inédito tricampeonato da Liga dos Campeões com Cristiano Ronaldo, Bale, Benzema, Modric, Kroos, Casemiro, Marcelo, Sergio Ramos & Cia. Muita coisa mudou na atual temporada. CR7 foi para a Juventus, Zidane surpreendeu e também saiu. O resto ficou, mas os problemas só aumentaram.

Técnicos não convencem

Solari - Oscar Del Pozo/AFP - Oscar Del Pozo/AFP
Santigo Solari é o técnico do Real Madrid
Imagem: Oscar Del Pozo/AFP

O substituto na beira do gramado era Julen Lopetegui, mas a polêmica começou antes mesmo de o treinador chegar. O anúncio do Real a poucos dias da estreia da Espanha na Copa do Mundo da Rússia irritou a federação espanhola, que demitiu o técnico da seleção na véspera da competição. No Real, Lopetegui não se encontrou e acabou sacado após 135 dias. O substituto foi uma aposta de "novo Zidane". Assim com o francês, Santiago Solari é ex-jogador da equipe e comandava o time da base do Real antes se ser efetivado.

Solari segue por lá desde então, mas sem resultados expressivos. Com isso, viu a imprensa listar possíveis substitutos para a próxima temporada. Ele só se salva caso vença a Champions. Nomes como os de Joachim Low (Alemanha), Massimiliano Allegri (Juventus), Mauricio Pochettino (Tottenham) e até mesmo José Mourinho, que comandou o Real no passado, já foram citados.

Marcelo de saída?

Marcelo - Gabriel Bouys/AFP - Gabriel Bouys/AFP
Marcelo pode estar de saída do Real
Imagem: Gabriel Bouys/AFP

A renovação ainda pode custar a saída de jogadores badalados, de acordo com o jornal As. O brasileiro Marcelo, segundo mais antigo do elenco e que está na equipe desde 2007, vem recebendo fortes críticas e perdeu a posição de titular na lateral esquerda. Bale, contratado por R$ 315 milhões em 2013, passou a irritar diretoria e torcida. Isco virou reserva de luxo no meio-campo e agora é negociável. Fora esses, nomes como Kroos e Casemiro também receberam críticas.

A "bronca" aumentou na última semana, quando o Real perdeu dois clássicos contra o Barcelona, ambos em casa. A equipe já está eliminada da Copa do Rei e não sonha mais com o título do Campeonato Espanol - ocupa a 3ª colocação, a 12 pontos do líder Barça.

Resta a Champions. A ida terminou com vitória dos merengues por 2 a 1, na Holanda.

Real Madrid