PUBLICIDADE
Topo

Flamengo

Presidente e vice pedem licença do Fla às vésperas de jogo na Libertadores

Rodolfo Landim (centro) e Rodrigo Dunshee (d) pediram licença dos cargos no Flamengo - Marcelo Cortes/Flamengo
Rodolfo Landim (centro) e Rodrigo Dunshee (d) pediram licença dos cargos no Flamengo Imagem: Marcelo Cortes/Flamengo

Do UOL, no Rio de Janeiro

01/03/2019 11h05

O presidente Rodolfo Landim e o vice Rodrigo Dunshee pediram licença dos respectivos cargos no Flamengo às vésperas da estreia na Copa Libertadores da América, terça-feira (5), contra o San Jose-BOL, em Oruro. O mandatário justificou "viagem particular". A informação foi publicada no Jornal O Globo e confirmada pelo UOL Esporte.

A diretoria está no cargo há pouco mais de dois meses e vive um momento delicadíssimo por conta do incêndio que matou dez jovens das categorias de base e interditou o CT Ninho do Urubu. Além disso, o clube está longe de um acordo com as famílias para as indenizações.

A licença de Landim começa na segunda-feira, dia 4 de março. O mandatário retorna apenas na segunda quinzena do mês. Já Rodrigo Dunshee iniciou hoje o período de ausência e volta no próximo dia 7.

Com as respectivas licenças, o presidente do Conselho Deliberativo, Antonio Alcides, assumirá a presidência do Flamengo no período.

Há expectativa nos bastidores, inclusive, de pouca evolução em relação aos temas debatidos nos próximos dias, já que Landim é considerado primordial para que qualquer decisão seja tomada.

Flamengo