PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Clube chinês desiste de André após contraproposta do Grêmio

Centroavante despertou interesse do Changchun Yatai, ex-clube de Marinho - Lucas Uebel/Grêmio
Centroavante despertou interesse do Changchun Yatai, ex-clube de Marinho Imagem: Lucas Uebel/Grêmio

Jeremias Wernek

Do UOL, em Porto Alegre

27/02/2019 09h29

O Changchun Yatai, da China, desistiu da contratação de André. A posição do clube chinês foi repassada após o Grêmio apresentar contraproposta, pedindo 2,5 milhões de euros (R$ 10,6 milhões na cotação atual). Com isso, o centroavante segue em Porto Alegre.

O UOL Esporte revelou as tratativas entre Grêmio e Yatai, que mantiveram diálogo nos últimos dias.

A janela de transferências na China se fecha na próxima quinta-feira (28) e por isso havia pressa por uma definição, seja qual fosse.

Na Arena, a saída de André chegou a ser considerada como "questão de tempo". O interesse chinês foi manifestado de forma tão forte que havia confiança no seguimento do negócio, mesmo com pedido de mais dinheiro. Não foi o que aconteceu.

Os envolvidos na negociação asseguram que o Yatai não chegará a quantia pedida pelo Grêmio.

O Changchun Yatai, clube que negociou Marinho com o Grêmio em 2018, preferiu procurar outras opções ao ouvir os valores solicitados pela diretoria gremista. A ideia do clube é ter um atacante brasileiro novo para a próxima temporada.

André tem contrato com o Grêmio até 2021. No ano passado, deixou o Sport após longa e desgastante negociação. Em Porto Alegre, até agora, não deslanchou. Fez somente quatro gols em 33 partidas e neste ano está atrás de Felipe Vizeu na disputa por vaga no time. Em breve, ganhará a concorrência de Diego Tardelli, atualmente em fase de readaptação física.

Futebol