PUBLICIDADE
Topo
Comprar ingresso
Comprar ingresso

Corinthians

Gustagol iguala Ronaldo, Tevez e Casagrande com início avassalador no ano

Diego Salgado

Do UOL, em São Paulo

22/02/2019 04h00

Gustagol mostrou mais uma vez que o faro de gol continua em alta depois do seu retorno ao Corinthians. O centroavante foi às redes novamente na vitória do time alvinegro por 4 a 2 sobre o Avenida, em Itaquera, na última quarta-feira (20).

O começo fulminante na temporada 2019, sua segunda passagem pelo Corinthians, fez Gustagol igualar marcas importantes no clube paulista. Com oito gols em 11 partidas, o jogador tem exatamente o mesmo desempenho de Ronaldo Fenômeno, Tevez e Casagrande, além de Teleco, o terceiro maior artilheiro da história do clube.

O trio fez o mesmo número de gols nos primeiros 11 jogos pelo Corinthians. Gustagol ainda consegue ser mais efetivo, pois foi às redes em sete das 11 partidas. Casagrande e Tevez fizeram em cinco duelos, enquanto Ronaldo marcou em seis.

O desempenho de Gustagol em 2019 ainda o coloca em larga vantagem na comparação com Jô. Em 2017, o atacante do Nagoya Grampus marcou 25 gols, foi artilheiro do Campeonato Brasileiro, mas demorou para engrenar. Para marcar 8 gols, foram necessárias 28 partidas.

Nos últimos 40 anos, o melhor início de um jogador corintiano é o de Edmundo, que fez 11 gols nos primeiros 11 jogos, em 1996. Três jogadores vêm na sequência, com dez gols: Liedson, em sua segunda passagem (2011), Edmar (1985), Luizão (1999) e Lima (1984). Na história, Carbone é o dono da melhor marca, com 17 gols nos primeiros 11 duelos. Os números foram obtidos no Almanaque do Timão, do jornalista Celso Unzelte.

Vale lembrar que Gustagol entrou em campo nove vezes pelo Corinthians na temporada 2016. Naquela ocasião, o atacante não fez gols e acabou emprestado ao Bahia e depois ao Goiás. No ano passado, o jogador se transferiu ao Fortaleza, onde fez 30 gols em 45 jogos.

Número de gols nos primeiros 11 jogos 

Carbone (1951)
17 gols (gols em 8 dos 11 jogos)

Edmundo (1996) 
11 gols (gols em 7 dos 11 jogos)

Liedson (2ª passagem - 2011)
10 gols (gols em 7 dos 11 jogos)

Edmar (1986)
10 gols (gols em 7 dos 11 jogos)

Luizão (1999)
10 gols (gols em 7 dos 11 jogos)

Lima (1984)
10 gols (gols em 7 dos 11 jogos)

Gustagol (2ª passagem - 2019)
8 gols (gols em 7 dos 11 jogos)

Casagrande (1982)
8 gols (gols em 5 dos 11 jogos)

Tevez (2005)
8 gols (gols em 5 dos 11 jogos)

Ronaldo (2009)
8 gols (gols em 6 dos 11 jogos)

Corinthians