PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Ídolo, Firmino ganha música em ritmo de Libertadores após pedido de Klopp

Caio Carrieri

Colaboração para o UOL, em Manchester (ING)

26/01/2019 04h00

Na sua quarta temporada no Liverpool, Roberto Firmino ganhou mais uma demonstração de como é idolatrado pela torcida dos Reds, líderes da Premier League que buscam acabar com a seca de título inglês que dura desde 1990. O atacante da seleção brasileira foi agraciado com uma música especial, cuja história tem detalhes curiosos. 

Tudo começou às vésperas da última final da Liga dos Campeões, em maio de 2018. Jürgen Klopp usou o seu carisma e fez um apelo sobre Firmino, intocável no ataque e que teve ascensão significativa nos três anos sob o comando do técnico alemão.

"Existe uma música para o Bobby Firmino? É só 'Bobby Firmino', certo? Isso não é uma música. Acho que ele realmente merece uma. Por isso quero encomendar uma música para o Bobby", disse na época, sorrindo. 

Passada a frustração com o vice europeu para o Real Madrid, o pedido foi atendido nesta campanha, com influência da última edição da Copa Libertadores. Não bastasse a grande expectativa gerada pelo inédito clássico River Plate x Boca Juniors na final, os incidentes de violência causaram ainda maior exposição na mídia britânica. 

Influenciados pelo assunto no fim do ano passado, os aficionados do Liverpool adaptaram a letra a uma canção famosa nos estádios da Argentina. Por conta disso, existe um trecho em espanhol, mesmo com as raízes brasileiras do homenageado. 

"Existe algo que o Kop quer que você saiba
O melhor do mundo, o nome dele é Bobby Firmino
Nosso número nove
Dê a bola para ele e ele vai marcar gol sempre
Si Señor
Dê a bola para Firmino e ele vai marcar gols"

A estreia não aconteceu no Kop, setor pulsante de Anfield. O novo cântico foi entoado pela primeira vez na derrota por 2 a 1 para o Paris Saint-Germain, na capital francesa, pela fase de Grupos da Liga dos Campeões, em 28 de novembro, quatro dias depois do adiamento da partida de volta da decisão sul-americana por conta de atos de vandalismo da torcida do River Plate. 

"Firmino é brilhante, já tentamos outras músicas para ele que não engrenaram, mas essa deu certo", afirma Dave, torcedor do Liverpool presente no Parque dos Príncipes naquela noite. "Essa versão fez sucesso porque coincidiu com a época da final da Libertadores, então encaixamos a nossa letra".

Com 11 gols e quatro assistências em 2018-19, o reserva de Gabriel Jesus na Copa da Rússia só fica atrás de Mohamed Salah na artilharia vermelha. O egípcio acumula 19 bolas na rede e oito passes para gol. 

"Firmino é fundamental para o nosso estilo de jogo e tem sido assim há bastante tempo", avalia Peter Carney, membro do Spirit of Shankly, organização independente de torcedores mais influente no clube. "Ele é fantástico, por isso digo que a venda do Coutinho não significou a saída do nosso melhor jogador nem mesmo a do nosso melhor brasileiro".

Fora da Copa da Inglaterra, o Liverpool não entra em campo neste fim de semana. Volta a defender a liderança da Premier League na próxima quarta-feira (30), quando recebe em Anfield o Leicester City, nono colocado.
 

Futebol