PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Reforços no meio criam alternativas táticas para Carille no Corinthians

Carille conversa com Jadson em treino do Corinthians; meia pode voltar para a ponta - Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians
Carille conversa com Jadson em treino do Corinthians; meia pode voltar para a ponta Imagem: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Arthur Sandes

Do UOL, em São Paulo

19/12/2018 04h00

Após a má impressão deixada na reta final desta temporada, o Corinthians espera abrir 2019 com mais opções táticas e menor dificuldade para criar jogadas ofensivas. Não à toa, o clube já anunciou Ramiro e está prestes a assinar com Sornoza, dois meio-campistas que devem dar alternativas táticas interessantes para o técnico Fábio Carille.

Não que a qualidade de Jadson esteja em questão, pelo contrário: ele é visto como pilar do elenco, ainda mais após ter sido o artilheiro corintiano em 2018 com 15 gols. Mas Ramiro e Sornoza foram contratados para ajudar o camisa 10 e, ao mesmo tempo, para serem alternativas a ele. A montagem do meio-campo será um dos desafios de Carille em seu retorno ao Parque São Jorge.

Jadson terminou 2018 jogando predominantemente pelo meio, enquanto Pedrinho e Mateus Vital fizeram as pontas. Foi uma função diferente da exercida durante o Campeonato Brasileiro de 2017, por exemplo, no qual o camisa 10 era escalado por Carille mais pelos lados do campo. O meia só assumiu a posição clássica de armador depois que Rodriguinho saiu, no meio do ano, quando o treinador também já não estava mais no Corinthians.

Na próxima temporada, será possível estruturar o setor de criação de outras formas. Sornoza, que faz exames e deve assinar contrato nesta quarta-feira (19), pode ficar pelo meio - onde teve suas melhores atuações no Fluminense - e deixar a direita para Jadson. Ou a ponta pode ser de Ramiro, que joga na função há dois anos; com Jadson e Sornoza se revezando pela faixa central. Se o ex-gremista for usado em sua posição original, de segundo volante, é possível até que os três sejam titulares juntos.

Há de se incluir neste encaixe o atacante André Luis, que fez Série B muito boa como atacante de lado pela Ponte Preta. Ainda há a expectativa de que Mateus Vital e Pedrinho evoluam, e o Corinthians está perto de trocar Clayson por Luan para fazer do atleticano mais uma opção para as pontas.

Futebol