PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Efetivado, Jardine ganha elogios de Raí e fala em buscar "identidade" do SP

Profissional de 39 anos está no clube há quatro anos e foi auxiliar em 2018 -
Profissional de 39 anos está no clube há quatro anos e foi auxiliar em 2018

Do UOL, em São Paulo

25/11/2018 10h50

No dia seguinte às declarações do presidente do São Paulo relatando que André Jardine seria efetivado no comando da equipe para 2019, o clube confirmou a ação por meio de um comunicado e vídeo publicados neste domingo. Técnico do time sub-20 durante três temporadas, auxiliar técnico em 2018 e interino nas três rodadas finais do Campeonato Brasileiro, o profissional de 39 anos foi confirmado como treinador para 2019 após reunião no sábado, no CT da Barra Funda.

"Eu sei do tamanho da responsabilidade que é dirigir um clube como o São Paulo. É a realização de um sonho de dirigir um clube tão importante no Brasil, um clube que eu aprendi a gostar, aprendi a amar, aprendi a gostar de cada conquista na frente da torcida, me arrepia toda vez que entro no Morumbi, porque me identifico, considero aqui minha casa", disse o treinador, que já traçou planos para 2019.

"Os primeiros planos de 2019 são esses dois jogos que estão por vir, importante lutar pelo G4 que elimina duas fases da Libertadores. Mas a meta inicial é dar uma identidade. É um desafio passa a ser nossa ideia prevalecer, que o São Paulo consiga ser uma equipe com mais vitórias, que se aproxime dos títulos. Todos trabalharemos para que essa ideia de jogo prevaleça, que a torcida se identifique e se orgulhe pela entrega, dedicação e qualidade do jogo", disse o técnico.

Diretor executivo de futebol do São Paulo, Raí rendeu elogios ao novo técnico do São Paulo, substituto do uruguaio Diego Aguirre: "Essa semana definimos André Jardine como o treinador do São Paulo para 2019. Ele será efetivado. Ele trabalhou duro para conquistar essa oportunidade. A efetivação é fruto da confiança no trabalho, da qualidade e da competitividade que sempre mostrou em sua história, nesses quatro anos de São Paulo."

Futebol