PUBLICIDADE
Topo

Futebol

CBF tenta colocar obstáculo a livro de Romário sobre CPI; Justiça nega

Reprodução/Twitter
Imagem: Reprodução/Twitter

Pedro Ivo Almeida

Do UOL, em Porto Alegre (RS)

29/08/2017 12h30

A guerra entre CBF e Romário ganhou mais um capítulo nesta semana. A Confederação Brasileira de Futebol notificou extrajudicialmente a editora Planeta, responsável por lançar o livro do senador que revela bastidores do crime organizado no futebol brasileiro, "Um olho na bola, outro no cartola". A Justiça, porém, negou o pedido que questionava a legalidade de parte do conteúdo da publicação.

De acordo com a confederação, que admite não ter visto o livro, a intenção era esclarecer se a obra utiliza e torna públicos documentos da CPI do Futebol que estão sob sigilo por ordem do Superior Tribunal Federal. A preocupação da CBF é com possíveis revelações de casos envolvendo o presidente Marco Polo Del Nero – alvo preferido de Romário.

A decisão judicial diz que a CBF "não especifica e nem discrimina quais são, exatamente, os dados e documentos que viriam a público e que ofenderiam a garantia à privacidade e intimidade das pessoas a quem se referem". Além disso, ressalta o interesse público das informações do livro e classifica o futebol como "bem público cultural da população brasileira".

Romário e seu livro polêmico sobre a CPI do Futebol - Divulgação - Divulgação
Romário posa com seu livro: alvoroço nos bastidores do futebol
Imagem: Divulgação
Em um primeiro momento, a CBF assegura que busca apenas se informar. Nos corredores da Confederação, no entanto, há uma preocupação em "abafar" a obra, que pode comprometer ainda mais a imagem de Del Nero.

Procurada pela reportagem, a assessoria de imprensa do senador não demonstrou grandes preocupações com mais uma batalha judicial. Segundo o gabinete de Romário, apenas documentos do relatório final – tornado público pela Justiça – foram utilizados.

Pessoas próximas que participaram da confecção da obra ainda reforçaram a tese e informaram que a publicação teve respaldo jurídico da equipe de Romário e da editora.

Procurada, a editora Planeta informou que não irá se pronunciar sobre o assunto.

Ainda em fase de divulgação, "Um olho na bola, outro no cartola" será lançado oficialmente no próximo sábado, às 11h, no pavilhão 3 da Bienal do Livro, no Riocentro (RJ), com a presença do senador. 

Futebol