PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Taffarel explica por que Cássio "ganhou" de Vanderlei e destaca Alisson

Lucas Figueiredo/CBF
Imagem: Lucas Figueiredo/CBF

Pedro Ivo Almeida

Do UOL, em Porto Alegre (RS)

27/08/2017 23h10

A torcida brasileira não poupou Tite pela não-convocação de Vanderlei para os jogos da seleção contra Equador, no dia 31, e Colômbia, em 5 de setembro. Agora preparador de goleiros do Brasil, o tetracampeão mundial Taffarel disse que a escolha feita por Cássio foi baseada na experiência que o jogador do Corinthians já tem com a camisa canarinho. Além disso, confirmou que Alisson é a opção atual para o time titular.

"Talvez o Cássio tenha uma bagagem mais afirmada, com passagens pela seleção brasileira, títulos importantes e competições de mais peso. Por isso optamos pelo Cássio”, explicou o ex-goleiro.

A declaração foi feita na chegada ao hotel no qual a seleção brasileira ficará hospedada pelos próximos cinco dias, em Porto Alegre, até a partida contra o Equador. Taffarel mora na mesma região, de modo que nem precisou viajar para se juntar ao grupo.

“Esse tipo de escolha não mostra que um é melhor e que o outro é pior. O Vanderlei deve estar muito feliz de estar sendo observado. Isso não quer dizer que, no futuro, ele não possa estar aqui. A nossa observação em cima do Vanderlei vai continuar, então é bom que ele continue trabalhando. É um grande goleiro e uma grande pessoa, contamos com ele”, acrescentou.

Montagem Cássio e Vanderlei - Montagem/UOL - Montagem/UOL
Imagem: Montagem/UOL

Um ponto comemorado pelo preparador de goleiros do Brasil foi a recém-conquistada titularidade de Alisson na Roma, já que ele é um dos três convocados para a posição junto com Ederson, do Manchester City, e o próprio Cássio, do Corinthians. Taffarel ainda antecipou que o ex-Internacional deve ser titular nos próximos compromissos da seleção.

“A sequência de bons jogos que ele fez na seleção brasileira nos deu tranquilidade. Nos treinamentos ele também nos passa uma segurança grande. Pela personalidade do Alisson e pela maneira como ele joga junto com a defesa, vejo que realmente está um pouco acima dos demais, mas isso não quer dizer que os outros não estejam bem”, afirmou.

“Às vésperas de uma Copa do Mundo, é sempre importante o goleiro estar com bom ritmo, ser bem treinado, jogar e ter sequência. Pedimos bastante isso, e esse vai ser um ano importante para ele [Alisson], um ano bom. Sempre vai depender de ele continuar crescendo, e esperamos que os outros também cresçam. Trabalhamos igual com todos, com carinho, vontade de ajudar e de fazer bem a eles”, disse Taffarel.

Futebol