PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Presidente do Bayern critica Douglas Costa: 'é um mercenário'

AFP PHOTO / PATRIK STOLLARZ
Imagem: AFP PHOTO / PATRIK STOLLARZ

Do UOL, em São Paulo

24/08/2017 11h08

O presidente do Bayern de Munique, Uli Hoeness, criticou duramente o meio-campista Douglas Costa, que se transferiu para a Juventus em julho. Em entrevista ao jornal “Frankenpost”, o dirigente do time bávaro chamou o brasileiro de “mercenário”.

“Não fomos bem com o Costa porque ele é um mercenário. Nós realmente não gostamos disso”, disse Hoeness.

O representante do Bayern alega que Douglas Costa em nenhum momento pensou no Bayern. Hoeness conta que se frustrou pelo fato de Douglas Costa não ter aprendido o idioma alemão.

O dirigente acusa o atleta de forçar a diretoria do Bayern a aumentar seu salário usando propostas de clubes europeus e asiáticos. O baixo rendimento em campo não justificava o pedido de aumento feito por Costa, frisa Hoeness.

“Se alguém pensa que o Bayern pode ser pressionado a destruir contratos altos talvez ele não nos conheça. É uma tentativa desesperada de nos dizer que quer mais dinheiro. Pode tentar mais 10 vezes, mas não mudará nada".

Futebol