PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Fluminense diminui dívida, mas segue com três meses atrasado

Fluminense pagou um mês, mas ainda deve três de direito de imagem - NELSON PEREZ/FLUMINENSE F.C.
Fluminense pagou um mês, mas ainda deve três de direito de imagem Imagem: NELSON PEREZ/FLUMINENSE F.C.

Bernardo Gentile

Do UOL, no Rio de Janeiro

24/08/2017 15h50

O Fluminense pagou nesta quinta-feira um mês de direitos de imagem atrasados. Apesar da boa notícia, a situação ainda não é nada boa, já que o clube segue devendo três meses aos jogadores.

O dinheiro utilizado para pagar o mês de direito de imagem veio da venda de Richarlison para o Watford, da Inglaterra, que irá parcelar a compra. Como a segunda parte só será paga em 2018, o Tricolor pegará um adiantamento através de uma instituição financeira para liberar o fluxo financeiro do clube.

Além da verba de Richarlison, o Fluminense espera também ter o dinheiro da iminente venda de Wendell ao PSG. Assim como no caso de Richarlison, o volante também terá a verba antecipada por instituição financeira.

Assim que tiver o dinheiro em mãos, o Fluminense pagará o restante da dívida com os jogadores. Vale lembrar, que o Tricolor comprou os direitos do atacante Robinho, do Figueirense. O valor, no entanto, ainda não foi revelado.

Futebol